Categorias
Vôlei Bauru

Angélica a caminho do Concilig Vôlei Bauru

Central Angélica já acertou com o Vôlei Bauru, segundo blogueiro do Estadão

icone-VOLEIA central Angélica, ex-Sesi, engrossa a lista de jogadoras cujo anúncio é iminente pelo Concilig Vôlei Bauru. A informação é de Bruno Voloch, blogueiro do Estadão. Além dela, a lista de possíveis reforços inclui a levantadora Juma (ex-Pinheiros), a ponteira Thaisinha (São Caetano) e a dominicana Brenda Castillo (líbero) — sua compatriota, a oposta Priscilla Rivera, também está na mira e ajuda o fato do técnico bauruense Marcos Kwiek ser o treinador delas na seleção dominicana.

Voloch ainda afirma que as ponteiras Suelle (ex-Osasco) e Mari (defendendo o Jakarta Pertamina, da Indonésia) estão com propostas em mãos e a diretoria do Vôlei Bauru aguarda o sim.

Oficialmente, estão confirmadas no elenco bauruense a líbero Arlene (ex-Cascavel), a central Raquel Loff (ex-Valinhos) — reforços já anunciandos —, a oposta Bruna Honório, a ponteira Mari Cassemiro, a central Carol e a levantadora Lyara, remanescentes da última temporada.

BAURU SERÁ RENASCIMENTO DE ANGÉLICA
A central tem 26 anos, foi medalha de prata com a Seleção no Pan-2015, mas teve uma participação modesta na última temporada — que foi muito conturbada pelos lados do Sesi, há que se dar um desconto. Tem potencial para reencontrar seu melhor voleibol nas mãos de Kwiek.

Natural de Farroupilha-RS, Angélica acumula passagens por Osasco (base), Praia Clube de Uberlândia, o extinto Amil/Campinas, Brasília e Sesi.

Foto: Roni Rigon/RBS

 

canhota-zapzap-perfilQuer ser avisado(a) quando houver texto novo no CANHOTA 10? Basta salvar o número +55 14 98109.6388 na agenda do seu celular e enviar um recado via WhatsApp solicitando a inclusão na nossa lista. É rápido!

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *