Categorias
Bauru Basket

Paschoalotto Bauru vence Sorocabana e mantém sequência de vitórias

Paschoalotto Bauru bate Liga Sorocabana fora e segue sequência positiva na liderança

O busão do Dragão traz mais uma vitória na bagagem. Numa partida tensa no final, foi no segundo quarto que o Bauru Basket atropelou a Liga Sorocabana e construiu diferença para vencer por 81 a 75. Os guerreiros agora somam 11 vitórias em 12 jogos e lideram com folga o Campeonato Paulista. A partida marcou o retorno do ala Fernando Fischer, que entrou nos segundos finais, quando seu irmão Ricardo sentiu o tornozelo. O próximo compromisso dos alvilaranjas será no dia 12, quinta, na Panela de Pressão, que marcará o retorno do armador Larry Taylor, voltando da Seleção Brasileira.

O jogo
O primeiro quarto foi pegado, um aviso de que a dificuldade duraria até o final. Com muito contato e briga no garrafão, o Paschoalotto conseguiu fechar na frente, 26 a 24. No segundo, veio o desempenho que garantiu a vitória: uma fração impressionante de 23 a 5, com o líder do campeonato usando todo o seu repertório de bolas de fora, defesa forte e contra-ataque inapelável: 49 a 29 no primeiro tempo. Os sorocabanos saíram do vestiário dispostos a voltar para o jogo. E “venceram” o segundo tempo, com parciais de 19 a 27 e 13 a 19. Coube ao técnico Guerrinha instigar a equipe nos pedidos de tempo e, na quadra, os jogadores controlarem a vantagem, vencendo no fim das contas por 81 a 75.

Destaques
Ricardo Fischer foi o mais eficiente, com 14 pontos, cinco assistências e quatro roubadeas de bola. Já o pivô Andrezão conseguiu duplo-duplo, com 12 pntos e 10 rebotes. Mas discreto, mas não menos importante, Murilo anotou 11 e capturou sete rebotes. Gui Deoddato marcou 13 e o argentino Barrios segue evoluindo, novamente fazendo números importantes: dez pontos e nove rebotes.

Abre aspas*
“A equipe de Sorocaba tem muitas qualidades, sabíamos que ia ser difícil. A gente conseguiu se unir, acreditar um no outro e, na defesa, conseguir a vitória. Aquela derrota para o Paulistano serviu para a gente aprender a não entrar em catimba. Não somos imbatíveis, mas temos foco”, comentou o pivô Andrezão.

“Senti uma torção forte no tornozelo, está inchado, doendo, mas o importante é que o time ganhou e começamos o segundo turno com o pé direito”, disse o armador Ricardo Fischer, que será melhor avaliado em Bauru, mas a observação incial é de que não preocupa muito.

“Hoje foi uma loucura aqui. Muita pancada e arbitragem péssima… Mas o time teve personalidade, abriu diferença. Não teve jeito de jogar basquete, Campeonato Paulista é assim, apenas não entramos nessa loucura e buscamos a vitória. O time deles tem vontade, nós erramos em algumas decisões, mas o time está tendo brio. Ganhamos duro, isso tem valor, mas poderia ter sido diferente e só o tempo vai dar maturidade para o time”, avaliou o técnico Guerrinha.

Mais fotos
Abaixo, mais alguns cliques da partida, de Caio Casagrande (Bauru Basket) e um da Cris Simão, do Jornada Esportiva, que registrou a presença da Torcida Fúria.

Barrios fez novamente bom papel
Barrios fez novamente bom papel
Gui: mais uma pontuação em dois dígitos, que é o que se espera dele
Gui: mais uma pontuação em dois dígitos, que é o que se espera dele
Murilo: briga foi intensa com De Bem no garrafão
Ricardo foi o cestinha bauruense no jogo
Ricardo foi o cestinha bauruense no jogo
Torcida Fúria deu aquela força de sempre
Torcida Fúria deu aquela força de sempre

 

 

 

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *