Categorias
Bauru Basket

Mais uma vez, jogo do Paschoalotto Bauru não encaixa contra o Paulistano

Bauru perde a terceira para o Paulistano na temporada, desta vez pelo NBB. E a final do Paulista vem aí…

Depois de perder as duas partidas da primeira fase do Paulista (na Panela e na capital), percebia-se que o Paschoalotto Bauru não conseguia encaixar seu jogo contra o Paulistano. Mas estava sem Larry (na Seleção) no turno inicial e sem Ricardo (contundido) no segundo. Com o time completo, entretanto, o resultado foi o mesmo: os gringos dos Jardins foram soberanos — sobretudo Holloway, 35 pontos!!! — na vitória eslástica por 87 a 66 e deixaram a torcida apreensiva para a decisão estadual. Será que o jogo do Dragão não vai encaixar? A resposta, só a partir do dia 2 de dezembro, porque antes o foco bauruense será no Final Four da Liga Sul-Americana. O foco nessas decisões, aliás, foi o diagnóstico do técnico Jorge Guerra para esta derrota. No fundo, ele sabe que não é só isso, tanto que avisou que vai editar pessoalmente o vídeo da partida — certamente para esmiuçar os pontos fortes da equipe de Gustavinho de Conti.

Em entrevista pós-jogo ao repórter Arthur Sales (Jornada Esportiva/Auri-Verde), o treinador bauruense disse ainda que vai fisgar a imagem de Holloway dando risada após uma cesta, para instigar seus jogadores. Outra curiosidade da partida foi o fato de Guerrinha não conversar com seus comandados no terceiro quarto. “Façam o jogo de vocês”. Também não deu certo.

Nem adianta muito teorizar agora. A desconfiança só vai passar quando Bauru, finalmente, derrotar o Paulistano nesta temporada. Tem que ser dia 2 (e 3 também!). Time e torcida para isso, sobra!

Abre aspas
“Num primeiro momento, é preocupante. Eu vim tentando colocar o time para ganhar com força total, mas não conseguimos jogar. Mas percebemos claramente que os jogadores estão com outro pensamento. Temos que usar esse jogo e trabalhar o pessoal. Eu quero editar o vídeo, todos os lances do Holloway, inclusive quando ele ri. Eu acho muito pobre só pensar em jogar nos jogos decisivos. Pra mim, o jogo de hoje é o mais importante, o treino da segunda-feira é o dia mais importante. Mas todos os jogos que precisava ganhar, os jogadores ganharam. É isso que vamos usar em nosso favor”, disse Guerrinha ao Jornada.

“Um péssimo jogo hoje, infelizmente as coisas não deram muito certo, mas agora é descansar e ao mesmo tempo colocar a cabeça no lugar e focar na semifinal do sul-americano. Obrigado a todos que torceram. Bola pra frente”, comentou Andrezão, em seu perfil no Facebook.

Fôlego
Se é que é possível achar um lado positivo nessa partida, foi o fato de o revezamento poupar os atletas para a maratona das próximas semanas. Ninguém jogou mais do que 25 minutos.

Números
Ricardo Fischer: 12 pontos, 3 rebotes
Fabian Barrios: 12 pontos, 3 rebotes
Murilo Becker: 10 pontos, 3 rebotes

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.