Categorias
Noroeste

Histórico! Noroeste une forças com basquete e vôlei pelo esporte de Bauru

Na apresentação do planejamento da Copa Paulista 2017, Noroeste revela diretoria que une nomes do basquete e do vôlei

retranca-ECNHá quase dois anos, na entrevista que mais repercutiu na história do Canhota 10, Rodrigo Paschoalotto, então patrocinador máster do Bauru Basket, disse: “Deveríamos unir todos os esportes de Bauru.” Essa ideia começou a ganhar vida no dia de hoje, revelada durante a apresentação do planejamento do Noroeste para a Copa Paulista, que começa no próximo sábado.

O presidente noroestino, Estevan Pegoraro, chamou à mesa do evento os dois novos membros de sua diretoria. Reinaldo Mandaliti, homem-forte do Vôlei Bauru, é o novo vice-presidente de futebol do Alvirrubro. Já Vitinho Jacob, diretor técnico do Bauru Basket, ainda não tem cargo definido (diretor social ou de patrimônio), até porque não conseguirá atuar no dia a dia noroestino, pelos compromissos com o Dragão — onde é gestor remunerado. O mais relevante, entretanto, é o elo criado entre as três principais modalidades do esporte local.

“A ideia principal, na figura dessas duas pessoas, é trazer unidade, plantar uma semente para que o esporte de Bauru seja visto de uma forma única, sempre respeitando cada uma das modalidades. Dentro de uma gestão para otimizar os custos, o departamento médico, a comunicação e o administrativo podem ser compartilhados. É uma situação que tende a evoluir, mas é embrionária ainda”, explicou Pegoraro.

“Minha família tem uma grande história com o Noroeste, sou apaixonado. Eu e meu irmão [Rodrigo Mandaliti] estaremos juntos para ajudar no que for possível. Não tem outro jeito de se fazer esporte: ou a gente se une e começa a reduzir despesas ou não chegaremos a lugar nenhum… Fazer uma união que gere um produto melhor para quem quer participar, para oferecer aos empresários, que traga fomento ao esporte bauruense”, destacou Reinaldo Mandaliti, que enfatizou que sempre será cada um com sua pessoa jurídica.

“Estou fulltime no basquete, mas temos pensamento conjunto, conversamos muito diariamente. Todas as modalidades levam o nome de Bauru e o que pudermos fazer uns pelos outros vai ser feito. Reduzindo custos, realizando parcerias. Sou noroestino de coração e se puder ajudar o Noroeste estou à disposição”, disse Vitinho, aparentemente pego de surpresa, mas figura habitual em Alfredo de Castilho e de seus bastidores.

Tudo o que for falado agora sobre essa união de forças será prematuro. Mas devagarinho algumas coisas devem acontecer. Uma equipe estampar o escudo/logomarca das outras duas em seu uniforme já é uma ideia que ganha força. A figura de Vanderlei Mazzuchini, ex-jogador de basquete e atual gestor do Vôlei Bauru também é simbólica: como braço direito dos Mandaliti, pode ser acionado eventualmente para ajudar o Norusca. Enfim, o otimismo vai longe, as ideias são muitas! Quem ama Bauru e ama o esporte deposita muita esperança no desdobramento desse assunto.

E a Caixa?

Criou-se muita expectativa sobre um novo patrocínio máster, após reunião de Pegoraro em Brasília com o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi. Mas a Caixa não patrocina clubes fora das Séries A e B do Campeonato Brasileiro. Ficou o compromisso de encontrar outras ferramentas de apoio, mas não é assunto para curto prazo.

Copa Paulista: ova diretoria, membros da comissão técnica e alguns jogadores do Noroeste
Nova diretoria, membros da comissão técnica e alguns jogadores na apresentação do planejamento para a Copa Paulista (junto com o convidado Mauro Silva, da FPF)

Copa Paulista

Com a participação do tetracampeão Mauro Silva, hoje dirigente na Federação Paulista de Futebol, foi apresentado o planejamento para a Copa Paulista 2017. Maciça parcela do elenco assinou contrato até o fim da Série A3 de 2018. Isto é, o técnico Vitor Hugo terá uma competição oficial com mais de cinco meses para calejar o elenco na briga pelo acesso. Seis jogadores, incluindo o atacante Rodrigo Tiuí (autor de dez gols no inesquecível Paulistão de 2006), serão bancados pelo empresário Marcos Galli (do título de capitalização Hiper Saúde). Investidor do futebol, Galli teve a palavra e lembrou que ajudou em oito acessos de clubes que apoiou. Sua aproximação do Noroeste foi obra do vice-prefeito Toninho Gimenes — ele e o prefeito Clodoaldo Gazzetta também estavam no evento realizado no Comprando, a exemplo do vereador Roger Barude, ex-secretário de esportes.

Copa Paulista: Mauro Silva e jogadores do Noroeste
Mauro Silva: palavras de apoio aos jogadores noroestinos que vão disputar a Copa Paulista

Mauro Silva salientou que a Copa Paulista é o produto da Federação que oferece calendário aos clubes do Interior e vaga para inserção no cenário nacional. E lembrou dos tempos de jogador, como era difícil enfrentar o Norusca. “Era muito difícil jogar aqui em Bauru. E sempre que se fala do Noroeste se lembra de um clube tradicional, um time grande do Interior, temido. Essa é a expectativa que a gente tem, de o Noroeste sonhar com o acesso estadual e com uma Série B do Brasileiro no futuro. A cidade de Bauru comporta isso”, destacou o camisa 5 da Seleção na Copa de 1994.

O Noroeste estreia na Copa Paulista no próximo sábado, 1 de julho, às 16h, contra o Velo Clube, no Alfredão.

TEM MUITO MAIS! Colhi muito material, entrevistas interessantes que merecem postagens próprias. Vou publicando nos próximos dias, ok? Avante, Noroeste!

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *