Categorias
Bauru Basket

Bauru 1, Limeira 1: agora é na Panela!

Com o Especialista inspirado, Paschoalotto Bauru empata a série da decisão do Campeonato Paulista e agora faz dois jogos na Panela de Pressão

Na véspera, a vitória passou raspando. Desta vez, não escapou. O Paschoalotto Bauru venceu Limeira no jogo 2 da decisão do Campeonato Paulista 2014 por 78 a 74. Agora, jogos 3 e 4 na Panela de Pressão e expectativa desde já para, com a torcida entupindo a Caverna do Dragão, de confirmar o bicampeonato em casa!

O grande nome da partida foi o ala Robert Day. Depois de tímida atuação ontem (apenas três pontinhos) e de um primeiro tempo apagado, ele comandou a arrancada bauruense no terceiro quarto. Outro “monstro de segundo tempo” foi Rafael Hettsheimeir, cestinha da partida.

O JOGO
Nem o mais pessimista limeirense imaginaria uma reação tão fulminante do Dragão depois do intervalo. O Winner abriu 2 a 12 logo de cara e fechou o primeiro quarto com convincentes 9 a 16. Sem dar respiro aos guerreiros e obrigando Guerrinha a parar o jogo, ainda chegaram a abrir 15 pontos (17 a 32), deixando as unhas da torcida sem limites cada vez menores. Mas Gui Deodato, Jefferson e Ricardo, com três bolas de fora, recolocaram o Paschoalotto no jogo, com administráveis dez pontos atrás: 28 a 38 (fração de 19 a 22).

Aí, veio o Especialista. De fora, infiltrando e convertendo com falta, arrepiando na defesa, enfim, fazendo o diabo. Robert Day acabou com as cordas vocais de Rafael Antônio. Pra dar sorte, Bauru fez 31 pontos no período, contra 17 dos donos da casa. Aí, a vantagem passou para o lado visitante (59 a 55). Aí, foi pau a pau. Rafael contra Rafael. O Mineiro bem de um lado, mas Hettsheimeir melhor ainda do outro. Quando ele cravou e colocou Bauru dois pontos à frente, a 11s do fim, Limeira tentou vencer na bola de fora, que não caiu. Mais dois lances livres e fatura garantida. Parcial de 19 a 19 e vitória bauruense graças ao incrível terceiro quarto.

ABRE ASPAS
Entrevistas concedidas ao repórter Chico José (Jornada Esportiva/Auri-Verde)

“A equipe errou umas coisas no começo, mas fomos nos acertando e deu tudo certo. Mas não tem nada ganho ainda”, ponderou Rafael Hettsheimeir.

“O Day desequilibrou e conseguimos uma vitória aqui, o que não é fácil”, comentou Jefferson William. O camisa 1 também falou de bola de três decisiva no segundo quarto, convertida depois de ele ter errado dois arremessos antes: “Eu treino exaustivamente para ter confiança de chutar. Mesmo errando, vou continuar tentando porque é meu forte e treino para isso.”

“A gente tem que ter paciência. Eu falei no vestiário que mesmo jogando mal e Limeira tirando a gente do jogo, tínhamos que ter humildade, fazer essa leitura, melhorar a qualidade individual. E fizemos um terceiro quarto fantástico. Final se ganha nos milímetros e ganhamos uma partida de recuperação. O que faz a equipe crescer é ganhar jogando mal, jogar juntos, com espírito. O ser humano sempre tem um algo a mais para tirar. Quando a gente tem dificuldade, se une mais. E o Day entrou no jogo, o que foi definitivo para o terceiro quarto. O ideal é fechar em Bauru, mas final é final. Temos que continuar trabalhando. Tem que jogar basquete. Sem jogar basquete não se ganha em nenhum lugar“, avaliou o técnico Guerrinha.

NUMERALHA
Rafael Hettsheimeir: 22 pontos, 6 rebotes
Robert Day: 18 pontos
Jefferson William: 11 pontos, 6 rebotes
Ricardo Fischer: 10 pontos, 7 rebotes

 

Foto: Henrique Costa/Bauru Basket

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *