Categorias
Bauru Basket

Bauru 1, Cearense 0: início arrasador

Dragão inicia playoff com vitória tranquila sobre o Basquete Cearense

Eu poderia estar coçando, eu poderia estar dormindo. Mas não cabulei o primeiro duelo das oitavas do NBB, entre Bauru Basket e Basquete Cearense (vencido pelo Dragão por tranquilos 79 a 56) à toa. Outro dever me chamou. Gostaria de ter visto Larry e Gui como carrapatos anulando Jimmy, Brown, Matheus, Victor e quem mais se atrevesse a invadir o garrafão bauruense. Seria ótimo acompanhar o domínio de Murilo no garrafão. Ver as bolinhas de três de Barrios. As assistências do Alienígena e de Ricardo Fischer, que somaram dez passes precisos. Ter conferido a Panela agora com duas torcidas — e tomara que em harmonia, pois têm objetivo comum.

Queria também ter visto esta cravada de costas do Gui aí do lado. Falado com o Guerrinha, que se deu ao luxo de colocar todo mundo em quadra, até o jovem Vezaro. Entrevistado os guerreiros. Trocado aquela ideia com Marcelão e Gilmar, companheiros do fundão de quadra. Ainda bem que posso vivenciar tudo isso na próxima sexta, às 21h30. E que seja um replay: vitória de Bauru para abrir 2 a 0 na série.

Ouvido ligado no Jornada, pesquei aspas de Gui Deodato e Guerrinha, em entrevista ao Arthur Sales:

“Primeiro de tudo, parabéns para nossa defesa. Tomar só 56 pontos é um sonho. Todos do banco participaram do jogo e isso foi importante”, disse o Batman.

“Nosso time se fortaleceu na defesa. Todo mundo entrou focado. Tiramos os melhores jogadores deles do jogo, tiramos o aproveitamento de dois, o rebote deles. Nosso ataque sentiu um pouquinho, mas com a retomada do ritmo de jogo, vai melhorar. Emocionalmente, o segundo jogo de playoff é mais perigoso. Temos que manter a mesma concentração de hoje”, comentou o treinador bauruense.

Números
Murilo Becker: 16 pontos, 12 rebotes
Gui Deodato: 15 pontos
Ricardo Fischer: 11 pontos, 6 rebotes, 4 assistências
Fabian Barrios: 11 pontos, 4 rebotes

Quem quiser me ajudar a contar melhor a história desse jogo, que fique à vontade na caixinha aí embaixo. Até sexta!

Fotos: Caio Casagrande/Bauru Basket

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *