Categorias
Bauru Basket Noroeste

Noroeste e Bauru Bkt ajudam instituição. Participe!

Lar Escola Rafael Maurício precisa de ajuda para continuar ajudando deficientes

Lar Escola Rafael Maurício precisa de ajuda para continuar ajudando deficientes

Passando por séria crise financeira, o Lar Escola Rafael Maurício, que abriga crianças, jovens e adultos (do sexo masculino) com deficiência mental, pediu ajuda. E foi prontamente atendido pelas duas instituições que mais representam Bauru Brasil afora: o Noroeste e o Bauru Basket. Nesta sexta (18/3) e sábado, as partidas dos dois times irão gerar donativos para a entidade.

Na partida do Bauru Basket contra Assis, pelo NBB, no ginásio da Luso (sexta, 20h), a torcida pode colaborar levando artigos de limpeza em geral – uma necessidade relatada pelo próprio Lar. No domingo (20/3), às 9h30, toda a equipe do Itabom/Bauru (membros da administração, comissão técnica e atletas) e voluntários irão visitar o local para entregar os donativos. Quem quiser fazer parte da visita deve entrar em contato pelo e-mail projetos@baurubkt.com.br ou pelo telefone (14) 3214-4818.

A ação do Itabom/Bauru Basket é parte do projeto “Guerreiros do Bem.

Noroeste baixa preço do ingresso

Além da promoção de que trocar o canhoto do ingresso da partida contra o Palmeiras por um do duelo com a Ponte Preta (junto de cupom do Jornal da Cidade), o Noroeste criou nova promoção para a partida decisiva deste sábado (19/3), às 16h – para ajudar o Lar Escola Rafael Maurício.

Na compra de um vale-ingresso (R$ 2) na bilheteria do Alfredão (das 9h às 11h e das 14h às 17h, até o dia do jogo), o torcedor poderá comprar a entrada por R$ 20 (ou meia por R$ 10), menor valor praticado pelo clube até o momento no Paulistão 2010. A carga de ingressos destinada para essa ação beneficente é de R$ 4.500. É o montante arrecadado na venda de vale-ingressos que será destinado ao Lar Escola.

Duas elogiáveis ações dos times baurenses.

Ticket-ingresso do Noroeste: boa oportunidade de ajudar o time contra a degola

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *