Categorias
FIB Futsal

FIB São Paulo perde a terceira seguida

FIB São Paulo sofre nova derrota na Liga Futsal e já está no fundo da tabela de classificação

Depois de um bom começo (uma vitória e um empate), a FIB São Paulo desandou. Conheceu, nessa noite de segunda-feira, em seu ginásio, a terceira derrota seguida na Liga Futsal. Desta vez, para o Blumenau, por impiedosos 6 a 1. Com o resultado, o time catarinense ocupa a terceira posição, enquanto a Associação Atlética despencou para o 14º lugar.

A exemplo do que ocorrera no clássico contra o Corinthians, o goleiro adversário, Roncaglio, usou da mesma estratégia: avançou com a bola e soltou chute forte para abrir o placar, logo a 1min06. Welinton perdeu a chance de empatar e viu os visitantes matarem o jogo, com Pica-Pau (aos 8min54) e Maico (11min34).

No segundo tempo, o Tricolor começou melhor e diminuiu a 5min06, com Welinton, sempre ele. Mas o time bauruense teve que se expor aos contra-ataques com goleiro-linha… Com o gol vazio, Maico amplicou aos 7min41 e 11min39. Pode pedir música, Maico. Aos 17min27, Peru fechou a conta.

“Tomamos três gols muito rápidos, um jogo de Liga Nacional já é difícil jogar com o placar equilibrado, desse jeito fica pior ainda. A gente acabou se perdendo, tentamos com o goleiro-linha, conseguimos diminuir, mas voltamos a tomar os gols. Agora é descansar e concentrar, ver o que precisamos fazer. Não podemos perder um jogo assim em casa e não sentir vergonha“, desabafou o goleiro Paulo Vitor, via assessoria.

O próximo compromisso já é na próxima quinta, na longínqua Florianópolis, para encarar o Floripa Futsal, às 18h45, com transmissão do Sportv. Aliás, essa é uma das vantagens de atuar com a franquia de uma camisa de peso. TV e exposição de marca garantidos.

Foto: Estevão Rinaldi/FIB

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *