Categorias
Noroeste

Como previsto, Noroeste desperdiça, com reservas, chance de decidir volta à elite em casa

Alguns posts abaixo o Canhota 10 alertou que escalar os reservas não era um boa escolha. Ou Amauri Knevitz realmente deu de ombros para a tabela e vai matar no peito quem vier – no caso, Red Bull, São Bernardo e Penapolense – ou ele estava ruim de contas e não acreditava que a combinação de resultados poderia colocar o Noroeste no G-4. E até o Audax, que eu considerava barbada vencer a Santacruzense em casa, perdeu…

Há pouco o que dizer – o aviso veio antes – e muito a lamentar. Mais detalhes do que eu penso dessa decisão de Knevitz e a análise do que vem pela frente, na coluna de amanhã no jornal BOM DIA Bauru – e também neste espaço, depois que forem vendidos muitos exemplares!

Em tempo: perder no Alfredão para o rebaixado União São João, mesmo com o time reserva, é um baita de um tropeço. Na estreia em casa na segunda fase, contra o São Bernardo, vencer é obrigação. Ou isso ou o sonho do acesso mia.

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *