Categorias
Bauru Basket

Paschoalotto Bauru se despede da NBA com placar centenário

Paschoalotto Bauru perde para o Washington Wizards por 134 a 100 e encerra seu tour pela NBA

bauru-nbaO Paschoalotto Bauru encerrou seu compromisso na NBA com mais uma participação interessante, alcançando placar centenário na derrota para o Washington Wizards, por 134 a 100. As derrotas e as diferenças são o que menos importam na bagagem de volta, mas tudo o que jogadores e comissão técnica vivenciaram nos últimos dias. Certamente um acréscimo que deve se refletir no restante da temporada. “Vivenciar o dia a dia de treinamento, jogos, troca de informações foi fantástico para nossa equipe. Agora é trabalhar para levar essa bagagem internacional para a nossa temporada”, celebrou o técnico Guerrinha, via assessoria.

Apesar da nítica diferença técnica, o desempenho bauruense chamou a atenção do técnico rival, Randy Wittman, que ficou satisfeito com a forma como seu time foi exigido. “Foi bom para nós ver como eles jogam e nos forçaram a fazer muitas trocas pela primeira vez nas três partidas que jogamos até agora. Tivemos que defender cem pick-and-rolls e precisávamos disso para continuar melhorando. Então, foi realmente bom, precisávamos jogar com um time como esse”, disse o treinador dos Wizards, ao site oficial da NBA.

O brasileiro Nenê, titular absoluto do time da capital ianque, ficou feliz de encontrar compatriotas. “Quando era pequeno, jamais imaginaria uma oportunidade dessas acontecendo. Ver um time brasileiro jogando contra um time da NBA é uma grande honra”, comentou o colega de Seleção de Alex e Hett.

AÍ SIM
Depois de atuar apenas 3min na partida contra o New York Knicks, o pivô Wesley Sena desta vez atuou por 28min, sendo o terceiro bauruense que mais ficou em quadra. E não fez feio, pontuando em dois dígitos. No segundo período, ele protagonizou duas belas tramas com Léo Meindl. Carioca também teve mais tempo. Já Léo Eltink e Gabriel não devem ter dormido, após a primeira oportunidade em uma quadra de NBA.

ZEROU
Jefferson William ainda procura a forma ideal, já comentei isso. A exemplo dos duelos contra o Real Madrid, quando zerou no jogo dois, nesta segunda partida de NBA o ala-pivô também passou em branco. Certamente na estreia do NBB, contra o Flamengo, estará inteiro. O time precisa muito dele.

day-bauru-wizardsANOTHER DAY’S NIGHT
Robert Day aproveitou muito bem os duelos em seu país natal para mostrar seu valor, depois de uma primeira temporada irregular. Foi cestinha do time nas duas partidas e com excelente aproveitamento em sua especialidade. Fez 5-7 nos triplos. É outro jogador que, no seu máximo, elevará o nível do Dragão.

LIGEIRINHO
Depois do triplo-duplo contra os Knicks, Ricardo tem mais uma bola lembrança na bagagem. Permita-me o trocadilho, foi uma parede diante de John Wall, roubando a bola do armador dos Wizards e partindo para a bandeja sem medo de toco.

NUMERALHA
Léo Monstro: 17 pontos, 7 rebores
Roberdei: 17 pontos, 4 rebotes
Canela: 16 pontos, 4 rebotes, 2 roubos de bola
Ligeirinho: 11 pontos, 7 rebotes, 3 assistências, 2 roubos
Wesley Sena do Brasil: 11 pontos, 5 rebotes, 2 assistências
Magic Paulo: 10 pontos, 4 assistências
Brabo: 6 pontos, 7 rebotes
Rafael Mineiro: 6 pontos, 2 rebotes, 2 roubos
Carioca, o Predador: 4 pontos, 3 assistências
Léo Eltink: 2 pontos, 2 rebotes, 1 roubo
Gabriel: 2 rebotes
Jé: 2 rebotes

 

Fotos: Caio Casagrande/Bauru Basket

Quem imaginou que um dia o Dragão estaria estampado num telão de jogo da NBA... Foto enviada pelo Rodrigo Paschoalotto
Quem imaginou que um dia o Dragão estaria estampado num telão de jogo da NBA… Foto enviada pelo Rodrigo Paschoalotto

 

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *