Categorias
Bauru Basket

Vitória sobre Franca restabelece a realidade do Gocil Bauru

Vitória sobre Franca restabelece realidade do Dragão. Ouça entrevistas

retranca-Paulista copy(Direto da Panela) Depois de estrear com derrota em Sorocaba, o elenco adulto do Gocil Bauru — ainda sem Alex e Hettsheimeir — passou com propriedade pelo Franca (77 a 61), atuando na Panela de Pressão. Para alguns, uma revanche da derrota no primeiro turno, quando os francanos se empolgaram com o placar elástico sobre os meninos bauruenses. Ora, se resolveram comparar limão com laranja, só porque eram duas camisas de peso, independentemente de quem as vestia, tudo bem… Mesmo bauruenses entraram na pilha. Pois bem, com as forças equilibradas, o Dragão sobrou em quadra.

Com cinco das sete partidas restantes em casa, o Bauru tem a possibilidade de acumular uma boa sequência de vitórias, mas dificilmente alcançará o sexto lugar, por exemplo. Sétima é a posição mais provável, evitando, assim, um confronto com Mogi logo nas quartas — e seria adversário apenas numa eventual final.

Foi bom ver a personalidade do garoto Gui Santos, dividindo a armação com Valtinho — Stefano também teve seus momentos, como um esperto roubo numa saída de bola francana. Léo Meindl e Jefferson assumiram o protagonismo e Shilton já se mostra um dos líderes do grupo, sempre orientando a molecada em quadra. O capitão Alex, ainda como espectador, também contribuiu, indo ao banco bauruense passar alguma dica.

O Dragão volta à quadra na quinta (8/set), às 20h, contra o Paulistano, na Panela. A seguir, as entrevistas pós-jogo. Vale a pena ouvir, sobretudo os relatos dos “novatos” Valtinho e Shilton.

ABRE ASPAS

Jefferson comemora a primeira vitória desde seu retorno:

 

Léo Meindl fala sobre o protagonismo que deve assumir agora:

 

Valtinho revela que, mesmo tão experiente, ficou nervoso antes da estreia na Panela:

 

Shilton celebra o carinho da torcida e o acolhimento de Bauru:

 

O comandante Hudson Previdelo avalia a vitória e fala dos próximos passos:

 

NUMERALHA
Léo Meindl: 19 pontos, 3 rebotes
Jefferson William: 16 pontos, 11 rebotes, 2 roubos, 2 tocos
Gui Santos: 14 pontos, 5 rebotes
Shilton: 10 pontos, 6 rebotes, 5 assistências, 1 roubo
Valtinho: 5 pontos, 6 rebotes, 5 assistências, 1 roubo
Henrique Cerimelli: 4 pontos, 3 rebotes, 1 roubo
Stefano Pierotti: 4 pontos, 1 roubo
Maicão: 3 pontos, 3 rebotes
Léo Eltink: 2 pontos, 5 rebotes
Renan Previdelo: 1 rebote

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *