Categorias
Bauru Basket

Paschoalotto Bauru, novo elenco (12): possibilidades da vaga de Barrios

Canhota 10 atualiza informações sobre a busca do substituto de Fabian Barrios no Paschoalotto Bauru

Depois do balde de água fria da última sexta, o anúncio da saída de Fabian Barrios, o Paschoalotto Bauru teve que voltar ao mercado. Até então com elenco fechado, de repente tornou-se necessário buscar uma peça de reposição já para o início do Paulista, pois o time está, no momento, sem um ala-pivô adulto. Sendo assim, surgiram algumas possibilidades, que atualizo o status de cada uma a seguir.

bauru-gruberApesar de ser um nome que cai no gosto de diretoria, comissão técnica e torcida, LUIS GRUBER não é o plano A bauruense. Ele, que foi sondado na temporada passada, ainda está em recuperação do rompimento total do tendão de Aquiles do pé esquerdo — situação confirmada pelo próprio jogador ao Canhota 10, em conversa no último sábado. O camisa 20 de Uberlândia ainda está longe dos treinos com bola. Seria, entretanto, um bom nome para o NBB7. Até o momento, afirmou não ter sido sondado.

Outro sonho de consumo do Dragão — que também já ouviu propostas em temporadas anteriores — é JEFFERSON WILLIAM. No caso do joseense, a exemplo de Gruber, ele tem contrato de mais um ano com seu clube. Entrei em contato no início da noite com o diretor do São José, Inácio Messias, que afirmou não ter chegado a sua mesa nenhuma proposta nesta segunda-feira. Ao mesmo tempo, admitiu que está aberto ao diálogo. “Se chegar a proposta, vamos sentar, conversar. É da nossa filosofia decidir o que for melhor para todos”, disse o dirigente. É bom lembrar que o orçamento da equipe do Vale do Paraíba foi reduzido em 25% para 2014/2015.

Em entrevista ao GloboEsporte.com no final de maio, o próprio Jefferson deixou em aberto a possibilidade de sair. “Estou sendo bem procurado pelo campeonato que fiz. Mas dou preferência sempre para o São José. É um lugar onde estou bem, onde minha família está bem, onde tenho grandes amigos. Onde você está bem, você tem que querer continuar. Essa é a minha filosofia. Eu gosto de criar raízes. Mas trabalho é trabalho, né. Se vier uma proposta bem melhor que São José, tenho que pensar no que é melhor para a minha família. Mas, a princípio, vamos pensar no São José”, disse o atleta na ocasião.

Isto é: o vínculo com a Águia é muito forte e Bauru precisa ter um plano B caso Jefferson decida continuar por lá. Aí, quem ganha força é ANDREZÃO. Sim, o Mamute pode voltar. Fora dos planos para a temporada, a saída de Barrios acabou por colocá-lo de volta no páreo. Afinal, Guerrinha precisa de alguém para o início do Paulista e o jogador já está habituado com time e colegas. Segundo fontes, o ala-pivô está na expectativa de um contato oficial — que a essa altura já pode até ter sido feito.

Por fim, caso a vaga não seja preenchida por alguém do mercado brasileiro, uma última opção seria um atleta estrangeiro. De preferência, que esteja atuando no basquete sul-americano.

Jefferson, Andrezão ou um gringo? O diretor técnico Vitinho Jacob afirmou ao Jornal da Cidade (edição de 5 de julho) que define a situação nesta terça, 8 de julho.
Atualizado: pode definir, mas não haverá anúncio nesta terça.

Fotos: Divulgação LNB

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *