Categorias
Esportes

Boa Esporte perto do Z-4

Time se complica no final do 1º turno da Série B

Time se complica no final do 1º turno da Série B

Depois de uma ótima sequência invicta, com seu ápice no vareio de bola que deu no Sport Recife (15ª rodada), o Boa desacelerou. Perdeu para o ASA de Arapiraca, fora, empatou com a Ponte em casa e foi derrotado pelo Náutico. Os dois recentes resultados, é verdade, foram contra times do G-4, mas para quem pretende se manter na Segundona nacional, não se distingue adversário.

Para quem sonhou com o acesso à elite, neste momento o retorno à Série C parece uma realidade mais próxima. Apenas três pontos separam o Tricolor da zona da degola. Como a Série B é muito equilibrada, nada que uma nova sequência positiva não resolva, ainda mais que há todo o segundo turno pela frente. Mas é bom abrir o olho…

De positivo, o ótimo aproveitamento de Jheimy, que tem constantemente marcado seu golzinho. Apesar de Carlos César ter atuações regulares, Jackson tem feito falta na lateral-direita. E espera-se, agora, que Marinho se firme como titular na esquerda, pois o time fica mais ofensivo com ele do que com o improvisado Higo.

A próxima partida, que anuciava-se ser uma baba, requer atenção. O antes saco de pancadas Duque de Caxias vem de três jogos sem perder. Mesmo assim, a disputa é em Varginha, o que sugere obrigação de ganhar três pontos.

Quem é de Ituiutaba e região não pode perder a edição (nº 93) do Mais Esporte (caderno do semanário Mais Notícia). O Canhota 10 fala do impacto da nova resolução da CBF sobre mudanças de cidade de clubes de futebol e como isso afeta o Boa. Fala também da “maquiagem” na média de público em Varginha. Confira nas bancas!

Por Fernando Beagá

Mineiro de Ituiutaba, bauruense de coração. Formado em Jornalismo e mestrando em Comunicação Midiática pela Unesp, atuou por 16 anos na Editora Alto Astral, onde foi editor-chefe e responsável pela implantação e edição das revistas esportivas. É produtor de conteúdo freelancer pelo coletivo Estúdio Teca. Resenhou 49 partidas da Copa do Mundo de 2018 para Placar/Veja. Criou o CANHOTA 10 em 2010, a princípio para cobrir o esporte local (ganhador do prêmio Top Blog 2013), e agora lança olhar sobre o futebol nacional e internacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *