Categorias
Esportes

Análise da 8ª rodada do Brasileirão

Nenhum diagnóstico pode ser preciso demais nesse momento de tirar a ferrugem. Após a parada para a Copa do Mundo, o Brasileirão volta como sempre: surpresas, alternâncias na tabela, escalações muito diferentes.

Na oitava rodada, foram 21 gols, tímida média de 2,1 por partida. Dos dez jogos…

… apenas dois mandantes cumpriram seu papel:

Palmeiras 2×1 Santos Felipão, das tribunas, apladiu a vitória sobre o desfalcado Peixe.
Atlético-MG 3×2 Atlético-GO Diego Tardelli fez dois e já desponta como candidato à artilharia novamente.

… três visitantes aprontaram:
São Paulo 1×2 Avaí Jogo-treino de luxo para a Libertadores acendeu o alerta no Morumbi; Antonio Lopes está longe de ser ex-treinador e tornará o Avaí competitivo
Atlético-PR 0x2 Cruzeiro Desta vez focada no Brasileirão, a Raposa é candidata ao título.
Guarani 0x3 Internacional Passeio colorado e boa notícia: Taison está de volta!

… foram quatro empates:
Goiás 0x0 Vasco O que parece mau resultado para os vascaínos que amargam o fundo da tabela, na verdade é um precioso ponto fora.
Ceará 0x0 Corinthians A melhor defesa do campeonato deve estar se inspirando na Suíça – a ponto de precisar calibrar o pé de seus atacantes. O Timão aguarda por Ronaldo, Dentinho e Jorge Henrique
Grêmio 1×1 Vitória Vacilo tricolor? O Rubro-Negro baiano é que vem forte para tentar surpreender o Santos na Copa do Brasil
Fluminense 1×1 G.Prudente Sim, vacilo tricolor! A vitória escapou e, junto, a liderança…

… houve um jogo neutro:
Flamengo 1×0 Botafogo O atual campeão não poderia recomeçar melhor, depois do pesadelo de ver seu ex-capitão supostamente envolvido em um crime bárbado. Bola pra frente, a instituição é maior.

Classificação Brasileirão 2010 8ª rodada

Categorias
Noroeste

O dia em que o Noroeste sapecou 7×0 no Linense

Relembre o texto publicado no Canhota em 16 de julho de 2010 – para lançar um astral positivo ao Norusca, que jogará em Lins

Máquina do tempo existe, sim. Basta não ser alérgico e folhear jornal antigo, revista velha. Foi o que fiz. Rumei para o Museu Histórico Municipal de Bauru e fiz uma deliciosa viagem pelo seu acervo de imprensa. Aproveito para fazer um apelo à Secretaria de Cultura: instale circuito de câmeras lá. Há imbecis cortando pedaços daquelas relíquias! O texto que reproduzo abaixo data de 1957, quando o Noroeste enfrentou o Linense, em Lins, pelo Campeonato Paulista daquele ano (no chamado Torneio de Classificação) no dia 7, domingo. O Elefante era o lanterna e o Norusca, que vinha em má fase, atropelou. O jornal Diário de Bauru não circulava na segunda. Mas, na terça, dia 9, foi publicado o relato completo do enviado a Lins, o jovem repórter Nilson Costa (anos depois prefeito de Bauru). Foi mantida a grafia da época.

– – – –

(Diário de Bauru, 9 de julho de 1957)

Surpresa!

ESMAGADO O LINENSE EM SUA PRÓPRIA “CANCHA” POR SETE A ZERO

Reportagem de Nilson COSTA, da ACEB*

Coube ao E.C. Noroeste oferecer a maior surpresa da rodada de domingo, no turno de classificação do campeonato paulista de futebol. Contrariando todos os prognósticos, compareceu o “onze” bauruense no estádio do “Elefante da Noroeste” e esmagou o C.A. Linense por uma contagem que não admite contestações. Sete vezes foi a bola endereçada ao fundo das rêdes de Nenê, em apenas 60 minutos de jogo, e daí por diante o vencedor se desinteressou completamente do placarde. Foi uma jornada extraordinária dos pupilos de Renganeschi. Salvo os primeiros minutos de jogo, quando o Linense teve forças para pressionar com algum perigo contra a meta de Julião, existiu somente uma equipe no gramado: a do E.C. Noroeste. Completamente batido no terreno, dominado e “bailado”, o quadro de Frangão nada poderia fazer senão curvar-se ao antagonista, tentando apenas evitar dilatação maior no marcador.

SEGREDOS DO TRIUNFO

Em linhas gerais o altissonante triunfo noroestino pode ser explicado da seguinte forma: deslocações constantes, tática diferente, bom gramado e um campo de vastas dimensões. O ataque, desta feita, soube confundir a defesa contrária. Nivaldo e Ismar revezavam de posição, Wilson chamava os zagueiros para o centro de campo e as brechas se sucediam na defesa, propiciando incursões objetivas por parte de Valeriano, Nestor, Ismar e Nivaldo.

A tática noroestina, domingo último, sofreu também modificações. Gaspar exerceu a função de sexto atacante, permanecendo atrás o médio Fernando. Quando Gaspar se aproximava da área do Linense, cabia a Nestor e Fernando guarnecer o meio do campo. Esse sistema deu amplos resultados.

(…)

ATUAÇÃO DAS EQUIPES

O “onze” noroestino atuou de forma uniforme. Nenhum homem comprometeu o trabalho do conjunto e todos tiveram influência decisiva na construção do placarde de 7 a 0. O Linense teve em Nenê (sem culpa nos gôls), Odorico, Zé Carlos e Alemão as únicas figuras que conseguiram fugir da mediocridade do conjunto.

Nenhuma observação quanto à disciplina, que esteve muito bôa dentro e fora do gramado.

PORMENORES DO ENCONTRO

LOCAL: Campo do C.A. Linense

Contagem do 1º tempo: 3 a 0 (Ismar, Valeriano e Nestor)

Contagem final: 7 a 0 (Valeriano, Nivaldo, Ismar e Ismar de penal)

QUADROS: o NOROESTE com Julião, Pedro e Tomazi; Fernando, Gaspar e Pierre; Nivaldo, Valeriano, Wilson, Nestor e Ismar. O LINENSE: Nenê, Aldo e Odorico; Finca, Zé Carlos e Nelson; Pedrina, Moreno, Frangão, Alemão e Lelé.

Juiz: Elias Assad Simão (regular)

Renda: Cr$ 37.985

EM LINS, TRAVES REDONDAS TAMBEM

Em Lins, o C.A. Linense tambem atendeu a instrução da F.P.F., dotando seu estádio com traves redondas, inauguradas domingo último por ocasião do jogo entre Noroeste e o clube local. Como se vê, é mais uma agremiação a atender os reclamos da F.P.F, modernizando sua cancha.

*Nota:  ACEB é a extinta Associação dos Cronistas Esportivos de Bauru

Categorias
Noroeste

Ingressos a preços acessíveis

A diretoria do Noroeste divulgou os preços dos ingressos para a estreia da Copa Paulista, contra o Linense (sábado, 17, às 16h) – provavelmente os mesmos valores que serão praticados no restante do torneio:

Arquibancada: R$ 10 (meia entrada para mulheres, aposentados, professores, estudantes e menores de 5 a 12 anos acompanhados de responsável)
Cadeira coberta: R$ 30

A melhor notícia é que os preços de arquibancada são os mesmos para o amistoso internacional contra o Estoril-POR (quarta, 21, às 20h) e com o preço da cadeira coberta reduzido para R$ 20!

Ótima iniciativa da diretoria, agora é a vez de o noroestino fazer a sua parte, pois a diversão será garantida:
1) A estreia na Copa Paulista é contra um forte time, campeão da A2 que manteve a base – segundo adiantaram os colegas do site Webesportiva, consultando jornal de Lins, o Elefante virá a Bauru escalado por Vilson Taddei com Matheus; Eric, Marcelo, Fábio Lima e Marcelo Santos; André Bilinha, Vagner, Velicka e Alessandro Cambalhota; Leandro Love e André Luiz.
2) O amistoso é o início das festividades do Centenário, o Norusca enfrenta um clube estrangeiro após quase 40 anos e, entre outras atrações, virá a (ex?) bandeirinha Ana Paula de Oliveira, para a alegria da galera.

Anote aí os pontos de venda antecipada:

Noroeste x Linense
Loja Kalunga, Rua Ezequiel Ramos, 5-25
Posto Shell, Rua Wenceslau Braz, 11-75
Lanches Skinão, Rua Rio Branco, 23-6
Bar do Mauro, Alamenda Cônego Aníbal Di Francia, 5-8
Lotérica Pé Quente, Rua 1º de Agosto, 5-27

Noroeste x Estoril (a partir de 16/7, sexta)
Portaria do Alfredão
Kalunga, Rua Ezequiel Ramos, 5-25
Posto Shell, Rua Wenceslau Braz, 11-75
Lotérica Pé Quente, Rua 1º de Agosto, 5-27
Music Sound, piso superior Shopping
Sport 90º, Avenida Getúlio Vargas, 5-9

Categorias
Noroeste

Conheça o novo reforço do Trem-Bala!

O Noroeste anunciou na tarde desta quarta-feira o atacante Marcus Vinícius, emprestado pelo Goiás. Ele tem 20 anos e surgiu como grande promessa para dar continuidade a tradição de gerar bons goleadores na Serrinha. O atleta, entretanto, só deverá ser apresentado na semana que vem.

Vendo o vídeo postado por sua assessoria esportiva no YouTube (assista aqui), percebe-se ser um jogador veloz, driblador e bom finalizador – apesar de chute aparentemente fraco. Por essas características seria, a princípio, reserva de Rafael Aidar. Mas, por ser bom finalizador, pode fazer dupla com ele, relembrando bons tempos recentes em que o Norusca usava dois atacantes velocistas, como Otacílio Neto e Vandinho. Guardadas as proporções e apenas para o leitor visualizar melhor, lembra o estilo de jogo de Lenny, do Palmeiras – quando era veloz em seus tempos de Flu.

Marcus Vinícius foi vice-artilheiro da Copa São Paulo de Juniores de 2008, com sete gols, e no mesmo ano foi convocado pelo técnico Rogério Lourenço (hoje no Flamengo) para a Seleção Brasileira sub-19. No profissional do Goiás, contusões atrapalharam sua trajetória. Essa experiência no futebol paulista pode ser a chance de o clube do Centro-Oeste ver seu investimento na base render uma grana no futuro. Seu contrato com o Esmeraldino termina dia 31/12/2011.

Como já disse sobre Cleverson, não há cenário melhor para se soltar, jogar sem o peso de um grande campeonato – dizem para os lados de Goiás que Marcus Vinícius sentiu a responsabilidade de atuar no profissional e que era meio desligado em campo, segundo matéria do site Olheiros. Esse moleque, se estiver bem fisicamente, poderá ter a chance de sua vida para sair do anonimato.

Que o criticado Adílson Souza e o ainda incógnita Paulo Roberto botem suas barbas de molho.

Marcus Vinícius atacante Goiás Noroeste futebolMarcus Vinícius Araújo Silva
atacante • 20 anos
Nascido em 18 de janeiro de 1990, em Mutunópolis-GO
1,79m • 79kg
Destro

As fotos do jogador em ação que ilustram a chamada na home foram reproduzidas do blog Futebolando, tiradas por seu editor, Marco Pezão

Categorias
Esportes

Brasileirão de volta!

Depois de sete rodadas de aquecimento – mas que certamente reuniram os pontos que farão a diferença na classificação final – o Brasileirão volta com tudo. Além da saudade dos torcedores, vem com elencos bastante modificados e um monte de jogadores querendo mostrar serviço em situação curiosa: de refugo em um time, virou esperança de outro. Exemplos? Os meias Everton (do Flu para o Cruzeiro), Marquinhos (Palmeiras para Fla) e Fernandinho (Cruzeiro para o rival Galo). Há ainda os que retornam ao país, os destaques da Série B…

Vamos ao que interessa! Um panorama dos 20 clubes da Série A e a escalação ideal após tantas mexidas:

ATLÉTICO-GO
O lanterna do campeonato não se reforçou bem. Dos que chegaram, os únicos com potencial para se firmarem como titulares são o zagueiro Daniel Marques, ex-Grêmio Prudente, e o meia Willian, palmeirense que não deu certo no Goiás. O técnico Geninho deu lugar a Roberto Fernandes.
Time-base: Márcio; Márcio Gabriel, Gilson, Jairo e Chiquinho; Agenor, Pituca, Robston e William; Juninho e Rodrigo Tiuí.
Especulação/sonho: Ariel, atacante do Coritiba.

ATLÉTICO-MG
Na zona do rebaixamento, o Galo se mexeu para ainda correr atrás do título – dá tempo. Se Diego Souza e Ricardinho se entenderem no meio e Diego Tardelli mantiver a fome de gols, quem sabe?
Time-base:
Fábio Costa; Diego Macedo, Jairo Campos, Werley e Leandro; Zé Luís, Serginho, Ricardinho e Diego Souza; Daniel Carvalho e Diego Tardelli.
Especulação/sonho: Maldonado, volante do Flamengo.

ATLÉTICO-PR
Com mais de uma dezena de reforços, o Furacão é outro que precisa sair do fundo da tabela. Paulo César Carpeggiani conta os gols de Paulo Baier – artilheiro da era dos pontos corridos do Brasileirão – e a velocidade o do recém-chegado Guerrón. A baixa é o volante Alan Bahia, que foi para o Qatar.
Time-base: Neto; Wagner Diniz, Manoel, Rhodolfo e Márcio Azevedo; Chico, Olberdam, Branquinho e Paulo Baier; Guerrón e Alex Mineiro.
Especulação/sonho: nada. A grana está curta e concentrada em 2014…

AVAÍ
Sávio finalmente está recuperado de lesão na coxa, mas deve começar no banco este reinício de Brasileirão, por estar fora de forma. O treinador Antônio Lopes chegou para botar ordem na casa. O lateral-esquerdo Eltinho, um dos destaques de 2009, está de volta.
Time-base: Zé Carlos; Patric, Gabriel, Emerson e Eltinho; Marcinho Guerreiro, Rudnei, Davi e Sávio; Roberto e Vandinho.
Especulação/sonho: quis Fernandinho, que foi para o Galo.

BOTAFOGO
A linha de frente do Botafogo está congestionada de bons jogadores: Edno, Herrera, Loco Abreu e Caio ganharam a companhia dos ídolos recentes que retornaram: Maicosuel e Jobson. A princípio, o (entrosado) time titular segue aquele que venceu o Estadual, mas Lucio Flavio deverá perder posição para Maicosuel.
Time-base: Jefferson; Antônio Carlos, Fahel e Fábio Ferreira; Alessandro, Leandro Guerreiro, Sandro Silva, Maicosuel e Marcelo Cordeiro; Herrera e Loco Abreu.
Especulação/sonho: os sonhos se tornaram realidade, com ‘Magosuel’ e Jobson.

CEARÁ
Vice-líder do Brasileirão, invicto e com a defesa menos vazada, o Vovô nem tinha porque mexer no elenco. Segue com a equipe entrosada. A mudança forçada foi um substituto – Estevam Soares – para o lugar de PC Gusmão.
Time-base: Diego; Oziel, Fabrício Anderson e Ernandes; Michel, João Marcos, Heleno e Geraldo; Misael e Washington.
Especulação/sonho: nenhum.

CORINTHIANS
O líder, de olho em seu título no centenário, ganhou um ponto de interrgação no gol, com a saída de Felipe e a chegada do veterano Bobadilla. Pelo menos, se livrou de alguns refugos, como Escudero e Balbuena. Segue forte, mas resta saber das condições de Ronaldo.
Time-base: Bobadilla; Alessandro, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf, Elias, Danilo e Bruno César; Dentinho e Ronaldo.
Especulação/sonho: aparentemente sondou Valdivia apenas para cutucar o rival.

CRUZEIRO
A Raposa foi outro clube que se livrou de atletas que não vinham rendendo, como Guerrón. Cuca terá o grande desafio de aumentar seu tímido currículo de conquistas. E o habilidoso argentino Montillo chegará quando terminar sua participação na Libertadores pelo Universidad-CHI.
Time-base: Fábio; Jonathan, Gil, Leonardo Silva e Diego Renan; Fabrício, Henrique, Marquinhos Paraná e Gilberto; Thiago Ribeiro e Wellington Paulista.
Especulação/sonho: Riquelme, do Boca Juniors-ARG.

FLAMENGO
Ainda zonzo pelas notícias policiais, é um contraste só: traz reforços inexpressivos como os atacantes Borja e Val Baiano e sonha alto (altíssimo) com Riquelme e Ronaldinho Gaúcho. Mas precisa mesmo é de um novo goleiro.
Time-base: Marcelo Lomba; Léo Moura, David, Ronaldo Angelim e Juan; Maldonado, Toró, Kleberson e Michael (Pet no segundo tempo); Vinícius Pacheco e Val Baiano.
Especulação/sonho:
além dos já citados, o goleiro Diego Cavalieri, do Liverpool. Zico como gerente de futebol é o grande chamariz, por sua credibilidade.

FLUMINENSE
Acabou de fechar com Belletti, que poderá atuar no meio-campo, sua posição de origem, relembrando ótimas fases em Cruzeiro, São Paulo e Atlético-MG. E torce para o assediado Fred ficar.
Time-base: Fernando Henrique; Mariano, Gum, André Luis e Carlinhos; Diguinho, Belletti, Marquinho e Conca; Alan e Fred.
Especulação/sonho: Deco, meia do Chelsea-ING.

GOIÁS
Impressionante como começou mal, prometendo brigar lá embaixo, e se recuperou. O Esmeraldino mexeu pouco no elenco, mas trouxe o faro de gol de Pedrão – precisará confirmar que não é daqueles que só jogam bem em um time, no caso dele, o ex-Baureri.
Time-base: Rodrigo Calaça; Carlos Alberto, Rafael Tolói, Ernando e Jadílson; Amaral, Jonilson, Wellington Monteiro e Romerito; Felipe e Pedrão.
Especulação/sonho: segurar o zagueiro Tolói e o atacante Felipe, assediados.

GRÊMIO
Conseguiu resolver o problema crônico da lateral-esquerda, desfalcada com saídas e contusões, com a chegada de Uendel para compor o banco. Souza está quase pronto para voltar ao meio. A dupla de ataque segue, para a alegria da geral.
Time-base: Victor; Edílson, Mário Fernandes, Rodrigo e Fábio Santos; Fábio Rochemback, Adílson, Souza e Douglas; Jonas e Borges.
Especulação/sonho: é claro que pinta como interessado em Ronaldinho Gaúcho…

GRÊMIO PRUDENTE
Vida de time médio/pequeno é dura… O goleador se destaca e vai embora! Tadeu trocou a briga da artilharia pela reserva no Palmeiras. E a Abelha ainda não encontrou substituto à altura. O lateral-direito Eder Sciola, ex-Noroeste, foi cedido ao Atlético Paranaense – mais uma chance de sua carreira engrenar…
Time-base: Márcio; Paulão, Leonardo e Diego; Sasha, Rodrigo Mancha, Anderson, Wesley e Marcelo Oliveira; Flavinho e Henrique Dias.
Especulação/sonho: sondou Alex Mineiro antes de ele recuperar a boa forma no Furacão.

GUARANI
Outro centroavante que se vai… Roger, atual artilheiro do Brasileirão. O São Paulo finalmente conseguiu fazer dinheiro com o jogador, que foi para o Kashiwa Reysol-JAP. Ricardo Xavier, destaque na Série B em 2009, reassume a camisa 9, como Giovane, destaque do Mogi Mirim no último Paulistão, como sua sombra.
Time-base: Douglas; Rodrigo Heffner, Fabão, Ailson e Márcio Careca; Renan, Paulo Roberto, Preto e Baiano; Mazola e Ricardo Xavier.
Especulação/sonho: será que Djalminha, Amoroso e Luizão conseguem entrar em forma?

INTERNACIONAL
De olho na semifinal da Libertadores, ainda demorará um pouco para focar o Nacional. Mas se reforçou muito bem- inclusive com Renan como opção para o gol – a ponto de levar a campo um misto quente. Celso Roth tem mais uma vez uma equipe forte nas mãos para tentar seu primeiro título brasileiro. No papel, o melhor time titular do país.
Time-base: Abbondanzieri; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Sandro, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro; Rafael Sóbis e Alecsandro.
Especulação/sonho: precisa de mais alguém? Sim, um zagueiro – Dalton, do Flu.

PALMEIRAS
Com a volta de Felipão (ou não, olha a Seleção aí…) e de Kleber Gladiador, o torcedor já está empolgado o bastante para sonhar de novo com o penta nacional. E pode mesmo, pois o treinador gaúcho não se acanha com amendoim.
Time-base: Marcos; Vítor, Maurício Ramos, Danilo e Armero; Pierre, Edinho, Lincoln e Cleiton Xavier; Kleber e Ewerthon.
Especulação/sonho: Valdivia e Ronaldinho Gaúcho, só…

SANTOS
Que seja eterno enquanto dure o trio Ganso, Robinho e Neymar. Mas a conquista da Copa do Brasil pode motivar um projeto Libertadores 2011 e mantê-los na Vila Belmiro. E não pense que Keirrison será o inofensivo centroavante de Benfica e Fiorentina. Aqui, adaptado a nossos gramados, vai enjoar de fazer gols!
Time-base: Rafael; Maranhão, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Wesley e Paulo Henrique Ganso; Robinho, Keirrison e Neymar.
Especulação/sonho: O goleiro Diego Cavalieri e o meia Zé Roberto, ídolo da galera após impecável temporada em 2007.

SÃO PAULO
Irá de time titular no reinício para pegar ritmo de jogo, mirando os confrontos com o Internacional. Corre sérios riscos de perder Miranda e Hernanes nesta janela de transferências. Mas isso é assunto para depois da Libertadores.
Time-base: Rogério Ceni; Alex Silva, Miranda e Richarlyson; Jean, Rodrigo Souto, Hernanes, Marlos e Junior César; Dagoberto e Fernandão.
Especulação/sonho: o lateral-direito Ilsinho, louco para se mandar da Ucrânia.

VASCO
Foram tantos os reforços para o meio e o ataque que está difícil escalar o time ideal, tamanhas as opções – apesar de muitas delas ainda contundidas ou fora de fora. PC Gusmão não tem do que reclamar nesses setores, apesar de perder Philippe Coutinho. Missão da caravela: sair da penúltima colocação e passar longe de repetir o pesadelo de 2008.
Time-base: Fernando Prass; Irrazábal, Titi, Fernando e Ramon; Nilton, Rafael Carioca, Felipe e Carlos Alberto; Zé Roberto (Éder Luis) e Elton (Nunes).
Especulação/sonho: concretizado com Felipe.

VITÓRIA
O Leão não poderá se dedicar exclusivamente à final da Copa do Brasil, pois não está bem na tabela do Brasileirão (14º). Recomeça o Nacional com os titulares Bida e Uelliton contundidos. E tem bom banco, com o meia Renan Oliveira (joia atleticana) e Schwenck.
Time-base: Viáfara; Nino Paraíba, Wallace, Anderson Martins e Egídio; Vanderson, Uelliton, Bida e Ramon; Elkeson e Júnior.
Especulação/sonho: acordar no dia 5 de agosto com a Copa do Brasil em mãos.