CANHOTA 10

Vitória sobre o XV dá fim a fase de testes do Norusca

De São Paulo*
(ligado no Jornada Esportiva)

Acabaram-se os experimentos. Depois de revezar goleiros e não repetir nenhuma escalação nos primeiros dez jogos, o Noroeste chega à segunda fase com um ótimo esboço de time titular – e, melhor, com boas dúvidas. A vitória elástica sobre o XV de Jaú – obrigatória, pela fragilidade do adversário – encerra um período difícil, de muita contestação e futebol duvidoso. Que venha a próxima etapa, que não terá jogos cancelados, times fracos. Ainda dá tempo de sorrir neste semestre e garimpar nomes para o Paulistão, como o aguerrido centroavante Diego.

Hernani, o Tiozão, o eterno capitão, reestreou bem, suportou os 90 minutos e aprimorou o passe do meio-campo alvirrubro. Marcelinho deverá reapaperecer na próxima fase e fica a dúvida: o atacante Zé Carlos, artilheiro na Série A 2, já teve seu contrato rescindido como Remo (desclassificado na Série D). Será quem vem para o restante da Copa Paulista?
Atualizado às 19h35: como bem me lembrou o amigo Rafael Antônio, as inscrições para a Copa Paulista se encerraram no último dia 9. Portanto, Zé Carlos só em 2011…

O Norusca fecha o grupo 1 com 15 pontos (4V, 3E, 3D), na terceira colocação, e agora irá compor o grupo  7 contra XV de Piracicaba (melhor aproveitamento, ao lado do Linense, com 76%), SC Barueri e Francana.

O JOGO

Para acabar com qualquer possibilidade de deixar o torcedor ansioso, o Norusca abre o placar logo aos cinco minutos. Numa boa inversão de papéis, Deivid é lançado por Cleverson, invade a área e chuta cruzado. O XV, com dificuldades de articular jogadas ofensivas, assusta pouco em cabeceio de Samuel, aos 15.

O Trem-Bala segue insistindo. Aos 23, em escateio ensaiado, Bonfim escora na primeira trave e, na segunda, Cleverson chega atrasado. Aos 27, Diego cabeceia por cima e quase amplia. O que consegue aos 36: Cleverson bate, o goleiro Carioca rebate e o camisa 9 pega o rebote.

No intervalo, respondendo pergunta de Jota Augusto, da Auri-Verde, Lello reconhece seu bom momento atuando na quarta-zaga – o Canhota 10 chegou a sugerir sua dispensa pelo péssimo futebol como volante. “Eu já tinha essa meta de atuar como zagueiro, como fiz no União São João na Série A2. Só quebrei o galho como volante porque o professor pediu”, disse.

No início do segundo tempo, o XV tentou reagir, em boa cobrança de falta do zagueiro canhoto Gustavo, a um minuto, e depois em arrancada do centroavante Fabrício, aos sete. No minuto seguinte, Giovanni, discreto em campo, finaliza mal. Ele logo seria substituído por Rafael Aidar.

O Noroeste balança as redes novamente aos dez minutos. Diego faz seu quarto gol em quatro jogos e se solidifica como artilheiro alvirrubro na competição. Ele arranca em velocidade e fuzila o goleiro Carioca.

Aos 21, Cleverson divide com o camisa 1 de Jaú e a bola sobra para Mizael, que bate cruzado para fora. A partir daí, como ficou comum nas partidas da Copa Paulista, o jogo, com vencedor definido, se arrasta. Até que Bonfim, aos 41, cabeceia tranquilo para as redes, concluindo escanteio cobrado por Almir Dias.

Finalizado o jogo, o goleador Diego comemorou, em entrevista a Thiago Navarro, do Jornada Esportiva: “Provamos para todo mundo que seremos um time forte na segunda fase”. Hernani ponderou um pouco: “Temos muito a melhorar, não podemos achar que está bom. A gente precisava dessa vitória para entrar na segunda fase com moral”. Palavra de capitão, de quem sabe das coisas.

* Novamente em São Paulo, a exemplo do fim de semana anterior, agora por conta de um curso de marketing esportivo durante todo o sábado. Domingo quem vem, novamente o Canhota 10 acompanhará direto do Alfredão.

Comentários

  1. BKL disse:

    Fala aí canhota eu contei no primeiro tempo do lado em que o noroeste atacava e tinha no maximo 65 pessoas impossivel ter 190 pagantes fora os credenciados… no maximo pode ter sido 90 pagantes e mesmo assim nao tivemos 70 e poucos credenciados!!

  2. Reynaldo disse:

    Segundo os comentaristas das radios de Bauru a entrada do Hernani deu mais estabilidade no meio de campo. Mas por outro lado os atacantes tem se movimentado muito poucos . O time do XV naoserve de parametro pois e um time bem fraco. Tanto que so levou perigo para o gol do Norusca somente uma vez duranbtea partida. O tecnico ainda insiste em manter alguns jogadores no time e deixandooutros em mais condicoes no banco. E dose…Paree que ele esta participando de outro jogo. Se o Ze Carlos voltar o Norusca seira uma boa…Isto se ele repetir aqueles seus bons momentos da ultima Serie A2. Na proxuima fase tambem nao teremos moleza. Nao emnada de que tal time e ruim ou que o outro e nosso fregues etc…O time ate agora nao nos tem dado uma grande confianca pra que possamos pensar que iremos bater todo mundo. Acreditar, eu acredito sempre…Mas na pratica teremos que torcer sempre para que o time do Noruca possa superar as suas deficiencias.Abracos

  3. Kelly disse:

    Gostei do jogo de ontem, por alguns fatores, primeiro a vitória por 4 x 0 como se disse, obrigação. Segundo que gostei da mobilidade que o garoto Diego deu. Com Hernani, o meio melhorou, mas ainda falta, principalmente que outros jogadores se movam mais. Acho que pós testes, alguns jogadores mostraram que tem mais chances que outros, espero que o técnico tenha visto isto também. A segunda fase, não será moleza não, mas a equipe ja melhorou se continuarmos assim temos chance de classificação, é dificil, mas não é impossivel, eu acredito.