CANHOTA 10

Marketing anuncia Memorial Noroeste

O ano do Centenário do Noroeste tem sido desastroso no que diz respeito a marketing. Por vários motivos. Cravar toda a culpa na assessoria dessa área do clube é precipitado. O descrédito pelos equívocos deve, no mínimo, ser compartilhado. Afinal, o empresariado desinteressado (ou com outras prioridades) e o tamanho reduzido da torcida (em relação número de habitantes de Bauru) acabam por influenciar bastante no insucesso das ações promocionais do Norusca. Sem contar que estar na Série A2 no primeiro semestre e na Copa Paulista, no segundo, também é um balde gigante de água fria.

Neste 2010, festivo, há muita boa vontade, uma pitada de ingenuidade e algumas bolas fora. Dizer que o presidente Damião Garcia “não mediu esforços” para trazer um adversário internacional (Estoril, da Traffic) que treinava ali em Porto Feliz e nem uniforme oficial tinha para jogar foi uma delas.

O principal equívoco, entretanto, foi perder o bonde da parada da Copa do Mundo. Trazer um clube grande para um amistoso no Alfredão e comemorar o Centenário. O Flamengo, atual campeão brasileiro, fez intertemporada em Itu, por exemplo. Mas deveria ser o Corinthians, “irmão”, mesmo dia, mesmo ano de nascimento.

Na última sexta-feira, chegou a notícia de que o Noroeste irá pedir à Federação Paulista o adiamento da partida contra o Penapolense no dia 1º de setembro. Não quer que esse dia fique marcado por um jogo inexpressivo – com todo o respeito ao time de Penápolis, que fique claro. Irá lutar por eventos extracampo – já confirmados o show da dupla André & Mateus e apresentação da Banda Liceu Noroeste. A não ser que haja alguma carta na manga. Quem sabe o conselheiro vitalício do Corinthians, Damião Garcia, não traz pelo menos os reservas alvinegros… Bobadilla; Moacir, Paulo André, Thiago Heleno e Dodô; Paulinho, Edu, Danilo e Tcheco; Defederico e Iarley. Tá bom, não?

Pode até ser no dia 2, pois o dia 1º, no Parque São Jorge, já está recheado de eventos.

Enquanto nada é concretizado, o marketing do Norusca tenta reagir às vésperas da grande data. Anunciou hoje que irá construir, em 2011, o Memorial Noroeste. Espero que vingue. É louvável. E a grande chance de o clube voltar a abrir as portas para os bauruenses, pois hoje há um evidente afastamento. Para o leitor entender melhor do que se trata, reproduzo abaixo o release enviado pela assessoria de imprensa (Erlinton Goulart). O clube convoca ex-jogadores (ou familiares) a colaborarem com a montagem de um banco de dados. Fica a torcida.

O Noroeste, através de seu departamento de marketing, está convidando todos os ex-atletas do clube para fazer contato, objetivando criar banco de dados e igualmente estreitar relacionamento.

O departamento de marketing também “solicita à população bauruense e demais pessoas, aqueles que tenham fotos e outros materiais alusivos ao clube de qualquer época, para os levarem até a sede do clube”, pede o assessor de marketing Evaldo Armani.

“Neste centenário do Noroeste não podemos, todos, perder a oportunidade de colecionar farto material”, cita, lembrando que “o futuro acervo do EC Noroeste sendo tratado e preservado por profissionais da área, acadêmicos especializados”, observa Armani.

Fotos e jornais antigos, entre outras peças históricas, formarão a base do Memorial Noroeste, “a ser construído a partir do próximo ano”, completa Evaldo Armani. O Noroeste solicita, gentilmente, sejam feitos contatos através do telefone 14 – 3218 1900.

Comentários

  1. Pietro Zambom FRanco disse:

    Em fim resolveram fazer um memorial !!!
    mais acho que já é tarde para marcar um jogo pro dia 1 contra um time grande.
    Vamos ver no que vai dar !!

  2. Bruno Kernbeis Lopes - BKL disse:

    Parabens pela cobertura sobre o Norusca está de altíssimo nível e de acordo com a realidade. Espero que essa independencia jornalistica perdure.

    Agora discordo inteiramente dessse trecho, “empresariado desinteressado” e “torcida reduzida” levam aos “insucessos das ações”…”

    Primeiro não tivemos ações nenhuma nos ultimos 5 anos e segundo que empresarios colocarão algum recurso num clube que nao presta contas!! E também qto ao empresariado, será que o processo que a MARIFLEX está movendo contra o clube não explica um pouco a relaçao noroeste e empresariado. Se não explica, complica e muito o clube!! Abç

  3. Ricardo Petroni-C. Grande-MS disse:

    Mais uma vez, as coisas estão acontecendo, a velha história, o nosso NORUSCA, PRATICAMENTE PERDENDO PARA TODO MUNDO.
    Qual será o grande problema do Noroeste, que ninguem fica sabendo ao certo.
    Viramos freques de um time de uma pequena cidade (Lins),perdemos de goleada de um time chamado penapolense, de uma cidade menor ainda.
    Basta srs. diretores de denegrir a imagem de um time de uma grandiosa Bauru.Se voces não tem competencia , peguem seus respectivos bones, e se mandem.
    Pasmem com a derrota sofrida frente ao linense, já voltamos a ficar abaixo de um time chamado penapolense.É BRINCADEIRA,o que estão fazendo com o nosso querido NORUSCA,tradicional agremiação do futebol paulista.