CANHOTA 10

Análise tática no Norusca para a 2ª fase

Laterais que apoiam, trio de volantes criativos e dois meias abertos para assistirem Diego: esse é o Norusca para a segunda fase da Copinha

Pelos treinamentos da semana, o técnico Luciano Dias deverá repetir, na abertura da segunda fase da Copa Paulista (Barueri, sábado, 25, 19h, no Alfredão), o time que venceu o XV de Jaú no último domingo (imagem acima), exceção feita ao retorno de Yuri ao gol. O comandante testou nossa paciência, mas parece ter achado boa formação. Boa no papel e no entrosamento, pois ainda não encarou uma prova de fogo.

Entre os méritos do treinador – que volta a comandar o time à beira do campo, conforme informou oficialmente o clube em seu site (atualizado às 9h37 de 24/9) – está a escalação de Lello na quarta-zaga. De medíocre volante, passou a seguro beque, sua posição de origem. O fato de ter apostado em jovens da base (Mizael, Juninho, Richard, Giovanni e Leleco) também merece menção – mas espero que não esqueça Richard, titular por alguns jogos. Merece entrar no segundo tempo das partidas. Outros jovens – esses contratados – também aproveitaram o espaço, como Gustavo Henrique (22 anos) e Diego (20).

A pulga atrás da orelha está na presença de Rafael Aidar no banco. Realmente não jogou tudo o que sabe neste segundo semestre, mas segue com a raça habitual. Com Cleverson ocupando seu lugar, o time ganha meias abertos nas pontas (ele na direita, Giovanni na esquerda). No meio, os três volantes têm qualidade no passe e se revezam nas descidas ao ataque – de quebra, Juninho e Deivid finalizam bem de fora da área.

Preocupa o banco de reservas em alguns setores: os inconstantes Rafael Mineiro e Roque nas laterais, Kelisson na zaga e não há centroavante à altura da raça de Diego – Marcus Vinícius, Adilson Souza e Paulo Roberto foram mal até aqui. O lado bom do banco: Geilson e Marcelinho na defesa (o recém-chegado do Santo André também poderá atuar de volante), Richard no meio, Aidar no ataque. Almir Dias segue como opção razoável e Tales é total incógnita.

Como vestibular para o Paulistão, há muito o que observar e o próprio gerente de futebol, Ricardo Occhiuto, em entrevista nesta semana a Jota Martins, da 87FM, admitiu que poucos ficarão para o Paulista – vale lembrar que do time campeão de 2005, apenas oito foram aproveitados na elite em 2006 e somente Bonfim e Bebê como titulares absolutos.

Já disse aqui outra vez: do empenho e dos resultados dessa Copa Paulista virão as respostas para a Série A1.

Comentários

  1. Michael Fontelle - São Paulo,SP disse:

    Com essa sua sugestão de tática para o Noroeste, se eu tiver um time e jogar com um 4-4-2, sendo que os meus dois laterais avançados e dois volantes eu quebro fácil esse esquema proposto por você, principalmente porque , se o seu meio não abastecer o único atacante veloz que o seu time tem, fecho o meio, fecho as meias laterais com os meus volantes e seguro os seus laterais com os meus jogando avançados.

    Precisa melhorar a sua tática!!!!!

    Assim fica fácil ganhar do seu time.


    Obs. Não estou dizendo que o jogo será fácil apenas informando que, por experiência minha (e não sou técnico e nem jornalista esportivo, apenas um observador/olheiro) , o seu meio de campo tem que ser MUITO BOM MESMO para suprir o único atacante.

  2. Caro Sr Michael,

    Como observador e olheiro que o sr diz ser, precisa melhorar somente o grau do seu óculos pois o esquema ilustrado pelo nobre Fernando tem 3 (e vou por por extenso para o senhor não confundir com 8 ou 18),três atacantes. A saber, Giovani, Cleverson e Diego e o Deivid jogando avançado.

    O seu 4x4x2 poderá ser fantástico para não levar gols pois o senhor assim congestiona o meio e a defesa, em compensação se o técnico do outro time marcar individualmente os seus 2 atacantes, o restante do seu time tem que ser muito bom prá criar outras situações de gols. E não levar.

    Mas ante de esquema, de segurar defesa, de marcar individualmente, comece pelo básico, senhor Michael, sugiro ao senhor consultar um oftalmo, senão o seu time ficará perdido em campo.

    Melhoras para o senhor!!!

    E aproveita melhor o seu tempo jogando dominó.

  3. Fernando BH disse:

    Prezado Michael. O esquema não é sugestão minha, é como o Noroeste deve jogar. É o famoso 4-2-3-1, que se notabilizou na Copa do Mundo com a campeã Espanha. Três meias se aproximando do atacante, sendo dois deles abertos pelos lados. Repito: não é minha tática, meu time. É o Noroeste. E Cleverson e Giovanni fecham pelo meio, tabelam com os laterais, recuam para ajudar a marcação, enfim, tem mobilidade para não ficarem presos à marcação. Grande abraço!

  4. Bruno Lopes disse:

    E dependendo do jogo ele vai variar para o 4-5-1 aliás isso é um 451 disfarçado se apertar ele fecha tudo!! rs

  5. Reynaldo disse:

    Fernando, vc ta danado tststs

    Eu gostaria de ver o Aidar fazendo dupla com o Diego. Eu nao sei como ta ele na parte tecnica e fisica, pois o tecnico tem deixado ele no banco. Mas e um cara que se vira muito bem la na frente e tem sido muito util para o Norusca.Abracos

  6. Fernando BH disse:

    Pela primeira vez surgiu um comentário ofensivo no Canhota 10, o que, obviamente, não é tolerado. Vai direto pra lixeira.

  7. Luiz disse:

    Acho que o time esta bem armado, porem fico surpreso com o meia Richard não estar nem indo para os jogos, ja que ele estava sendo titular nas partidas anteriores. Alguem sabe o que aconteceu. Vamos Norusca!!!