CANHOTA 10

Aí, sim! Norusca segue com chances

Direto de Bauru
(ligado no Jornada Esportiva, o único veículo bauruense em Franca)

O Noroeste foi buscar, fora de casa, os pontos que perdeu no empate no Alfredão com a Francana. Sem passar muitos sustos no estádio Lancha Filho, o Alvirrubro conquistou sua primeira vitória (1 a 0) na segunda fase da Copa Paulista e chegou a quatro pontos, deixando a Veterana com apenas dois. Por ter confrontos diretos com XV de Piracicaba (seis pontos) e Barueri (oito), o Trem-Bala só depende de si para passar à terceira fase. Na próxima quarta (13/10), recebe o XV, às 19h30.

O que uma vitória não faz? De laboratório duvidoso, o time voltou a sonhar com o título da Copinha – sempre contando com o apoio dos torcedores, que cobram, como tem que ser, mas não viram as costas.

O JOGO

1º tempo
A Francana vai a campo com um trio ofensivo veloz e começa a partida pressionando o Noroeste. O time bauruense, entretanto, logo se reorganiza e reage, conseguindo uma sequência de escanteios antes dos dez minutos de jogo.

Aos 13, a Veterana quase abre o placar. Cris chuta cruzado e Gabriel, na pequena área, não alcança de carrinho. Dois minutos depois, o mesmo camisa 9 tenta, de bico, mas Yuri defende tranquilo. O Trem-Bala chega com perigo aos 20, em cobrança de falta de Tales que Rodrigo Calchi espalma antes de a bola tocar o travessão.

A partida fica amarrada, com muita correria entre as intermediárias, mas nenhuma chance efetiva de gol até o Noroeste abrir o placar, aos 39. Em troca de passes no meio, a bola chega até Gustavo Henrique. Em ultrapassagem pela esquerda, o lateral arrisca de longe e acerta o ângulo direito de Calchi. O chute venenoso e cheio de curva vai parar nas redes! Norusca 1 a o.

Já nos acréscimos, a Francana chega forte com Gabriel. Lançado, ele fica mano a mano com Yuri, que toma a bola dos pés do atacante, de forma arrojada. Os alviverdes pedem pênalti, sem razão.

Intervalo
Ao microfone de Chico José, repórter convidado do Jornada Esportiva, o atacante Diego comemora a vitória parcial, mas alerta que a bola não chegou até ele, o que é confirmado por Luciano Dias: “Não estamos conseguindo sair jogando”.

2º tempo
Ao contrário do que aconteceu no Alfredão, quando o Noroeste também reiniciou a partida na frente, mas a Francana sufocou de cara, o Alvirrubro se impõe desta vez. E sempre com o brigador Diego lá na frente.

A Veterana só incomoda aos oito, em cabeçada de Júnior Preto que Yuri vai buscar. A partir daí, Diego toma conta. Aos 14, ele cabeceia com perigo e Rodrigo Calchi põe para escateio. Seis minutos depois, o camisa 9 perde gol incrível, cara a cara, chutando por cima.

Aos 24, mudança tática: Roque entra no lugar de Tales e Gustavo Henrique vai atuar na meia. Com o meio-campo mais leve, o Noroeste começa a ceder espaços para a Francana e chega menos ao gol de Calchi. Aos 34, Júnior Preto entra com perigo na área, mas é desarmado por Gustavo na hora exata. A insistência da Francana não é suficiente para chegar ao empate e Yuri tem pouco trabalho até o fim da partida.

Fim de jogo
Chico José, do Jornada, falou com os protagonistas da partida. “Conseguimos segurar bem, agora dependemos só da gente”, comemorou Yuri. “Faltava essa vitória sobre um time aguerrido. Estamos orgulhosos”, disse Aidar, que relatou ter sentido uma fisgada na coxa e pediu para sair, pensando em rápida recuperação para quarta-feira. Gustavo, o autor do gol, minimizou a discussão que teve com Roque (seu concorrente na lateral-esquerda) e avisou: “Daqui pra frente, vamos conseguir os resultados”.

Já o técnico Luciano Dias repetiu o discurso de que o time havia se perdido na intranquilidade durante o campeonato e disse que vai aproveitar essa vitória para animar o elenco. “A competição exige correria e pegada e nosso time é mais técnico. Os resultados ruins deram uma má impressão sobre a nossa qualidade. Temos que descansar, recuperarmo-nos do desgaste de hoje, analisar a condição de cada um e até repensar a escalação. Essa equipe tem qualidade, sim”, reafirmou o treinador.

No papel, sempre foi uma das mais forte dessa Copinha. Se resolver colocar isso na prática daqui pra frente, a galera alvirrubra agradece.

Comentários

  1. Renato Neves disse:

    é isso ai galera,é hora dos torcedores comparecerem ao alfredão e a impressa tambem dar uma força nesse três dias,para passar uma energia positiva para a equipe,até porque o nosso treinador é muito fraco.
    VAMOS NORUSCA EMBUSCA DA CLASSIFICAÇÃO,PORQUE NÓS ACREDITAMOS NESTA CENTENÁRIA CAMISA.

    avante avante noroeste,bauru com emoção.

    SANGUE RUBRO 1986 UM TIME,UMA VIDA UM AMOR.

  2. Reynaldo disse:

    Com o Noroeste sempre e complicado as coisas…Vamos torcer pra que o time jogue bem e possa superar o XV na proxima quarta-feira…

  3. Kelly disse:

    Boa Norusca, assim seguimos vivos na Copa Paulista.

    Agora é apoiar e apoiar, hoje com ctz estarei la no Alfredão, juntamente com verdadeiros Noroestinos.

    Vamos Norusca!!!!