CANHOTA 10

Homenagem a Ronaldo Fenômeno

Foto de Divulgação/Daniel Kfouri/Nike (inclusive home)

Como hoje (7/6/2011) ele se despede da Seleção, em grande festa no Pacaembu, republico texto que escrevi em homenagem ao Fenômeno quando ele anunciou a aposentadoria.

Fenômeno não precisa provar nada: sua carreira é brilhante

Quando eu escrevia para o Jornal do Pontal, da minha Ituiutaba-MG, Felipão, pelos idos de 2002, convocava a Seleção para amistosos antes da Copa. Aquela leva de jogos decisiva que cravou as vagas de Anderson Polga, Gilberto Silva e Kleberson. E… Ronaldo. Na ocasião, escrevi no título “Ele é mesmo um fenômeno”, ironizando como era possível um jogador em recuperação física, fora de forma, ser chamado para defender o Brasil num Mundial. A exemplo de muitos cronistas, quebrei a cara.

Depois que Ronaldo arrebendou na Coreia e no Japão, fazendo oito gols em sete jogos e trazendo o quinto caneco brasileiro, prometi nunca mais criticá-lo. Cravar seu fim? Jamais. Quando novamente teve problema no joelho, no Milan, novamente deram-no como acabado. Eu fiquei quieto, já calejado pelo poder de superação do dentuço. Dito e feito: ele foi para o Corinthians e arrebentou em 2009, ganhando Paulistão e Copa do Brasil.

Evidentemente (e visivelmente) acima do peso, mesmo assim o camisa 9 fez belos gols e desfilou seu talento pelos gramados brasileiros. Mas, tudo tem seu fim. E ele realmente se arrastava em campo nesse início de 2011. O corpo não obedecia mais. O próprio Ronaldo admitiu, ao portal do Estadão: “Não aguento mais. Eu queria continuar, mas não consigo. Penso uma jogada, mas não executo como quero. Tá na hora. Mas foi lindo pra caramba”.

Foi muito lindo. Desde seus primeiros passos (largos) no Cruzeiro. Da Holanda, chegavam vídeos com seus golaços pelo PSV. Em um centro maior, já foi possível assistir seus partidaços pelo Barcelona, a melhor fase de sua carreira. Na Inter, apesar das contusões, ganhou uma Copa da Uefa. O Real Madrid o comprou em novo auge, pós-Copa 2002, e ele já chegou marcando gols e ganhando Mundial de Clubes e Espanhol, brilhando ao lado do amigo Zidane.

No Milan, a curva da carreira começou a ficar descendente, mas não sem antes marcar alguns gols em sua curta passagem. Novo problema no joelho e a acolhida do Corinthians: a fiel abraçou o novo ídolo e foi muito feliz com ele. Mas não o perdoou com mais uma Libertadores perdida – culpa dessa burra obsessão pela América…

Todo mundo curtiu chamá-lo de gordo, fazer piadinhas prontas com a palavra peso, enfim, é saudável e faz parte do futebol. Mas, o momento é de reverenciar o maior ícone do futebol mundial nos últimos 15 anos. Nem Cristiano Ronaldo, nem Messi, afinal, eles são subproduto do Fenômeno. Sem o R9, não haveria superstars da bola. Isso começou com ele, com suas arrancadas fulminantes em campo e sua habilidade com a mídia fora dele. Nem Pelé foi tão habilidoso marqueteiro.

Obrigado, Ronaldo. Quem gosta de futebol deve esse agradecimento a você.

Comentários

  1. silvinho disse:

    esse cara q escreveu isso, não entende de fultebol!ai ele forçou a amizade!dizer q nem o pelé foi tão habilidoso?ou então ele se quer viu algum lance do genial camisa 10 (pelé) basta só ver aquele gol q o pelé perdeu dando um drible de corpo no goleiro e chutou cruzado p fora q coloca qualquer gol q o barrigudo fez durante sua carreira no bolso! e isso é porque o pelé perdeu o gol!mas toda vez q se passa algumas jogadas do pelé na tv,essa é uma das mais mostrada!e q eu garanto q ninguém cansa de ver!da licença seu mané!querer comparar esse buchudo com o pelé!vai caçar o q fazer!claro q ele fez uns golaço,mas nem de longe c compara ao pelé!outra,vê quantos gols o pelé fez,e vê quatos o buchudo fez!compare tbm quantos anos o pelé jogou,e qntos o buchudo jogou!c vc não tem o q falar, fique de boca fechada,ao invés de abri_la para falar abobrinha!

  2. Fernando BH disse:

    Prezado Silvinho, leia direito: eu afirmo que Pelé não foi tão habilidoso quanto Ronaldo como marqueteiro, não como jogador. Ninguém foi maior do que Pelé jogando. Abraço.

  3. Alan Goulart disse:

    Ronaldo merece todas as homenagens que estão fazendo, ele é um icone no futebol brasileiro e pode sim ser comparado a Pelé, Zico, Garrincha e Romário…
    Uma pena ele terminar dessa forma, eliminado pelo TOLIMA da pré-libertadores e pior, sofrendo ameaças por isso….
    Fazer o que? foi uma escolha dele jogar no curintia….mas ele não merecia isso não….

    Na minha opinião a CBF deveria fazer um amistoso contra algum time bem fraquinho para o Ronaldo se despedir marcando gols!
    Ele merece!

    E com certeza ele foi o melhor jogador marqueteiro do futebol brasileiro.

  4. roze disse:

    o ronaldo é muito ruim ele ja foi um bom jogador mais agora ele é o pior jogador do campeonato paulista e uns dos piores jogadores do brasil graças ao corinthians

  5. Nilton Santos disse:

    BH brilhante.
    Uma pena ter encerrado a carreira dessa forma.A torcida do Corinthians mostra porq não merece titulos internacionais,parece q a libertadores é sempre a ultima e nenhum tem tranquilidade em jogar lá,seja Ronaldo seja um Moacir.A libertadores virá na tranquilidade,qdo não se espera.O que fizeram com Ronaldo é uma das maiores injustiças q já vi por parte da fiel torcida.Mas estamos no Brasil e aqui só quem encerra com vitórias é lembrado.Mas para mim Ronaldo encerrou com vitória,é um vencedor e todas as torcidas estão tristes.

    Abraços

  6. Nilton Santos disse:

    Volto a escrever…aqui no Brasil só vale enquanto está em atividade e ainda terminar por cima com vitórias.
    Estive presente em 1997 na labombonera para assistir Boca E River e vi cenas de puro patriotismo e valor humano.A torcida do Boca sempre após gritar o nome de quem vai jogar clama por DIEGO…Ole ole ole ole diegooooooooo diegooooooooo,eu que estava proximo a divisa com a torcida do River(uns 2 mil torcedores)aplaudiram de pé e cantaram o mesmo que a torcida rival.Aqui no Brasil é tudo diferente,a educação e respeito pela história passa longe…alias não preservamos nossa história.
    Ronaldo não deixou o Corinthians e sim o futebol mundial,mas podem ter certeza que lá na espanha,italia ou holanda estarão fazendo homenagens.
    BH parabens pelo site.