CANHOTA 10

Clube dos 13 rachado. E agora?

Tentando entender (e lamentando) essa polêmica, Canhota 10 opina

Tudo parece um grande teatro. Mas que não tem graça nenhuma. Há alguns dias, a Caixa Econômica Federal resolve ligar para o São Paulo e, finalmente, entregar a Taça das Bolinhas ao então (oficialmente) único primeiro pentacampeão brasileiro desde 1971. Isso depois de muito tempo que a Confederação Brasileira de Futebol havia se pronunciado que o troféu pertenceria ao Tricolor. Eis que, uma semana depois, a CBF resolve, depois de 24 anos, reconhecer o Flamengo como campeão brasileiro de 1987 – apenas dois meses depois de afirmar o contrário, na ocasião da unificação dos títulos nacionais.

É ou não é um grande teatro? O afago aos rubro-negros – imagino que fruto de convencimento de um amigo em comum de CBF e Mengo, a Traffic – rendeu a Ricardo Teixeira um importante aliado, a partir do momento em que o clube carioca se juntou aos coirmãos, e ao Corinthians, na debandada do Clube dos 13. No caso do Fla, com o pretexto de estar magoado pela agremiação não tê-lo apoiado na empreitada de reconhecimento por 1987.

O mais lamentável dessa ruptura é que ela acontece no exato momento em que veríamos uma boa disputa pelos direitos de transmissão do Brasileirão no triênio 2012-2014. Estava curiosíssimo para ver o resultado da licitação e não concordo com o argumento do Botafogo, que imaginava perder dinheiro de patrocinadores caso a Globo não continuasse como detentora. Como bem lembrou o diário Lance! de hoje (24/2), três grandes recordes de audiência do futebol na TV (índice do Ibope em São Paulo) são em outras emissoras: a final da Libertadores-1992, na Rede OM (comandada por Galvão Bueno, à época), a final da Copa do Brasil-1995 (no SBT) e a final do Mundial de Clubes-2000 (na Band). O torcedor seguirá seu time, seja qual for o canal.

Outro receio – felizmente já rechaçado pelos dissidentes cariocas – era o de se ter ligas nacionais distintas, que renderiam mais astericos no bagunçado histórico do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, a confusão de direitos de transmissão negociados individualmente, ou por blocos, gerará situações inusitadas, como muitas partidas importantes não televisionadas por envolver times que negociaram com TVs diferentes…

Por fim, o mais lamentável é que tudo isso acontece a pouco mais de três anos para a Copa do Mundo no Brasil. Essa Copa que só nos poupará de uma vergonha mundial a partir do momento em que o sinal vermelho acender e o dinheiro público jorrar em cima da hora. Os últimos tempos – e os que estão por vir – no futebol brasileiro se resumem a muita politicagem e ganância e o torcedor, que deveria ser o protagonista, como consumidor que é, não é bem tratado. Nessa relação, o cliente não tem razão porque nem ouvido ele é.

Comentários

  1. acho isso uma mulecagem disse:

    acho isso uma mulecagem.

  2. celso batista disse:

    Lamento a desorganização da CBF no caso flamengo taça das bolinhas.O flamengo se recusou a jogar com o Sport naquele ano, portanto o Campeão unico é o sport, agora a politicagem na CBF tem que acabar, bem como o autoritarismo da rede globo, impondo horario para os jogos, para não mexer em suas tele novelas, em detrimento de clubes e torcedores com jogos iniciando as 22 horas e o povo chegando em casa 2 ou 3 horas da manha.é um absurdo e ninguem impõe limites a esta emissora que só pensa nela.Abaixo o futebol da rede globo e tb a Band. que se obriga a passar o mesmo jogo que a globo, não deixando ao publico o direito de escolha.Band, tenha brios e coragem , e não fique se submetendo a globo .

  3. celso batista disse:

    se a justiça obrigar o sao paulo a devolver a taça das bolinhas, o clube deveria derreter o trofeu, e entregar ao flamengo o metal derretido e sem forma, quem sabe assim os mantatários do nosso futebol tomam vergonha na cara viu Sr. Ricardo Teixeira.

  4. everton disse:

    eu acho o CORINTHIANS um timão

  5. augusto disse:

    o primeiro penta campao eo santos fc por isso a taça tem que ser entregue ao santos.

  6. bruno emanuel disse:

    eu acho que o corinthians tem que voltar para os club dos 13 nao sei porque eli saio

  7. Ronaldo disse:

    Acho que o corinthians foi o unico time a ter coragem de por início ao fim desta vergonha nacional que estar ocorrendo em nosso glorioso futebol. Parabéns ao presidente deste horrroso clube pela atitude.