Demétrius: “A equipe está pronta para a Liga das Américas”

Finalmente! A tão esperada Liga das Américas — que a punição sofrida pela CBB nos tirou em 2017 — chegou. E na Panela, na Caverna do Dragão. O Sendi Bauru Basket, atual campeão brasileiro, faz as honras da casa para San Salvador (El Salvador), Correcaminos (Panamá) e o atual bicampeão da competição, o Guaros de Lara (Venezuela). Fiquei devendo uma análise dos adversários, mas a molecada fera da Locomotiva Esportiva caprichou tanto que só me resta compartilhar. Como esperado, gringos contratados de última hora reforçam os adversário. E vamos reencontrar Josimar Ayarza e Lucas Tischer!

O Dragão tem o desafio de buscar a classificação à fase semifinal provavelmente sem Alex Garcia, recuperando-se de uma gastroenterite. Já Rafael Hettsheimeir, outro desfalque na derrota para Franca, deve estar à disposição.

Falei com o técnico Demétrius sobre a preparação para a competição:

Primeiro, temos que ter uma grande consciência de nos adaptarmos rapidamente à competição. Bola diferente, critérios de arbitragem diferentes, equipes de escolas de basquete diferentes… É um campeonato curto, não podemos bobear nem três minutos ou pode nos custar a classificação. A equipe está entusiasmada e concentrada, sabendo da importância do campeonato. Vamos por etapas: buscar a classificação para a segunda fase, depois para o Final Four. A equipe está pronta para isso.’

Apesar de reforços pontuais gringos sempre mexerem no nível de times modestos no universo americano da Fiba, creio que o Dragão atropela os salvadorenhos hoje, talvez sofra um pouquinho com os panamenhos, mas encaminha a classificação antes de encarar os venezuelanos no terceiro jogo. Como passam dois e ambos vão para o mesmo grupo F (onde já esperam Regatas Corrientes e Estudiantes Concordia), terminar em primeiro ou segundo da chave em Bauru é mais uma questão de ânimo do que técnica.

Jogos do Bauru na Liga das Américas

Sempre às 20h15:
Hoje (9/fev): San Salvador
Sábado: Correcaminos
Domingo: Guaros
INGRESSOS: arquibancada: R$ 20; cadeira superior: R$ 40; cadeira cativa: R$ 60; cadeira de quadra: R$ 100

 

Foto: Victor Lira/Basket