CANHOTA 10

Itabom/Bauru vence na estreia. Estreia?

Guerrinha avisa que primeiro jogo no Paulista não serve de parâmetro

Jeff teve atuação discreta: oito pontos. Foto de Sérgio Domingues/HDR Photo/Bauru Basket (inclusive home)

Direto da Luso

Não serve de parâmetro para o bem, mesmo com a vitória folgada, muito menos para o mal. Segundo o técnico Guerrinha, a partida de estreia  no Campeonato Paulista tem valor nulo como avaliação do Itabom/Bauru. Ele não gostou do que viu e quer deixar para trás essa partida. O time bauruense venceu Santos por 83 a 69, depois de um primeiro tempo folgado (40 a 19) e uma segunda metade vacilante (derrota por 43 a 50).

“Se todo mundo mantivesse a concentração, independente do adversário, do frio… A equipe não empolgou e o jogo não serve de referência para nada. A gente deu moral para Santos. No nível que a equipe está, tem que ter um objetivo maior. Não tem que pensar em vencer uma partida, vencer o Santos é uma coisa natural. Individualmente, a equipe não aproveitou. Coletivamente, menos ainda. O revezamento foi péssimo, o rendimento foi péssimo”, concluiu o treinador.

Douglas Nunes chegou anteontem da Seleção – foi cortado por Magnano – com vontade, mas um pouco perdido em alguns momentos. Entretanto, protagonizou enterrada e bons arremessos e fechou a partida com 17 pontos – Fischer foi o cestinha, com 19.

Thyago Aleo ficou bom tempo em quadra (17min39), Gui também (10min52) e Mosso confirmou que será bastante útil, com chute seguro e presença defensiva. Gaúcho, ao contrário de sua atuação no jogo-treino contra Araraquara, ficou devendo (apenas dois pontos), mas parece que jogou sem totais condições físicas – não perderia a reestreia em sua verdadeira casa por nada…

Larry Taylor quase fez um triplo-duplo: dez pontos, nove rebotes, nove assitências.

Uniforme
O Itabom/Bauru atuou com o uniforme da temporada passada, ainda com os patrocinadores antigos, mas vale uma ressalva: a culpa não é da nova fornecedora de material esportivo, a Cambs. O contrato com a Claro foi fechado na última quarta-feira, seria impossível confeccionar uniforme em tão pouco tempo – os patrocinadores foram surgindo a conta-gotas e a diretoria sempre pedia para esperarem. A previsão de estreia da roupa nova, segundo o diretor Vitinho Jacob, é para a terceira rodada, em em 17/8, contra o América de Rio Preto, fora de casa. Certamente, em casa, no dia 20, contra Rio Claro. Ah! As placas de publicidade dos novos apoiadores estavam devidamente colocadas na quadra.

O próximo compromisso do Itabom/Bauru é no dia 10, contra o São Caetano, às 20h, no ginásio do adversário.