CANHOTA 10

Bauru Basket: novo formato eleva o nível do Paulista

Larry deverá ser desfalque no início do Paulista. Foto: Fernando BH/Canhota 10

Foi definida nesta quarta-feira, na sede da Federação Paulista de Basquete, que o próximo campeonato estadual terá seus 12 clubes (nove deles do Novo Basquete Brasil) jogando entre si, em turno e returno, e não mais separados em dois grupos. Isso confere maior competitividade e tornará os times paulistas que disputarão o NBB6 ainda mais fortes.

Na temporada 2012, o Bauru Basket disputou 12 partidas na fase inicial. Agora, serão 22 jogos antes dos playoffs, a partir das quartas de final. Como a “nota de corte” é generosa, classificando-se oito de 12, a FPB poderia ter adapatado o regulamento de mata-mata da Liga Nacional, que premia os primeiros colocados com lugar direto uma fase adiante. Poderia promover os dois primeiros direto às semifinais e os quatro seguintes (do terceiro ao sexto) brigariam pelas outras duas vagas. Mas, já houve um avanço e será um grande Campeonato Paulista.

O Bauru Basket terá que ficar atento, apenas, ao desgaste. Em paralelo à disputa estadual, haverá a Liga de Desenvolvimento (que precisa de Ricardo, Gui, Scaglia e Kesley) e a Liga Sul-Americana. Que Guerrinha saiba poupar seus comandados na hora certa, em jogos mais fracos ou que não influenciem na mudança de posição na classificação.